Prefeitura convoca profissionais de saúde voluntários para vacinação em massa da dose de reforço em Botucatu

A Secretaria Municipal de Saúde de Botucatu (SP) está convocando voluntários para trabalhar na ação de vacinação da dose de reforço que será em massa para o público de 18 a 60 anos que participa do estudo de efetividade da vacina Oxford/AstraZeneca.

A ação será realizada no dia 19 de dezembro em formato semelhante ao ocorrido nas 2 primeiras aplicações durante o estudo.

Poderão se voluntariar farmacêuticos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, técnicos de enfermagem, médicos e dentistas para formar a equipe de aplicadores.

Os interessados devem fazer contato com o Setor de Educação e Comunicação em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde. O setor fica na própria Secretaria, na Rua Major Matheus, 07, Vila dos Lavradores. O contato pode ser feito via telefone (14) 3811-1100.

Reforço em massa

Para essa ação do dia 19 de dezembro, o secretário municipal de Saúde, André Spadaro, foi a Brasília (DF) junto ao prefeito Mário Pardini, e pediu ao Ministério da Saúde o envio de todas as 70 mil doses estimadas em apenas um lote.

A justificativa para o pedido foi que, por contra do estudo de efetividade da vacina Oxford/AstraZeneca, praticamente toda a população entre 18 e 60 anos completa cinco meses da aplicação da segunda dose ao mesmo tempo.

Prefeito Mário Pardini e secretário de Saúde José Spadaro no Ministério da Saúde, em Brasília: 70 mil doses em um único lote — Foto: Facebook/Reprodução

Prefeito Mário Pardini e secretário de Saúde José Spadaro no Ministério da Saúde, em Brasília: 70 mil doses em um único lote — Foto: Facebook/Reprodução

Em Botucatu, esse prazo seria em janeiro, mas por causa do fim de ano e do recesso da Justiça Eleitoral, a vacinação vai ser antecipada para 19/12.

A ligação com o calendário da Justiça Eleitoral é porque o formato da vacinação de reforço em massa será o mesmo usado durante a primeira e segunda doses do estudo de efetividade, com os colégios eleitorais e ginásios funcionando como salas de vacinação.

Apesar da adoção do mesmo esquema, a vacinação em massa das doses de reforço não faz parte do estudo de efetividade realizado no município.

Fonte: Tv Tem

Últimas

Alexandre de Moraes determina depoimento presencial do presidente Bolsonaro

27 jan 2022

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou a intimação do presidente Jair...

Categorias

Scroll Up