Prefeitura contrata empresa para administrar UPA de forma emergencial em Tatuí

A prefeitura de Tatuí (SP) informou nesta quarta-feira (23) que rescindiu o contrato com a antiga empresa que administrava a UPA da cidade e contratou uma nova organização social para gerenciar a unidade de forma emergencial.

De acordo com a prefeitura, o atendimento foi mantido sem prejuízo à população e está em trâmite o processo licitatório para a contratação de uma nova empresa. Por enquanto, a nova administradora da UPA é a Beneficência Hospitalar de Cesário Lange.

A mudança foi feita depois que funcionários da UPA ficaram meses sem receber seus salários, até que o município assumiu os pagamentos de forma emergencial no último dia 14.

A alegação da empresa que administrava a UPA para a falta dos pagamentos é de que a prefeitura não teria feito o repasse do dinheiro. No entanto, de acordo com o Executivo, nos meses de abril e maio, os valores foram integralmente repassados para a empresa.

No último dia 11, foi feita uma reunião para discutir a situação do salário dos funcionários, e a entidade concordou que o município fizesse diretamente o pagamento aos colaboradores. Isso porque, segundo a empresa, a falta de repasse do dinheiro pela prefeitura “impediu que esta cumprisse com os pagamentos necessários”.

Fonte: G1 – Foto: TV TEM/Reprodução

Scroll Up