30 de maio, 2024

Últimas:

Prédio de 23 andares é evacuado às pressas após danos estruturais e ‘risco de queda’ no litoral de SP

Anúncios

Um prédio de 23 andares e 133 apartamentos foi evacuado às pressas após apresentar danos estruturais em três colunas, nesta terça-feira (13), em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Segundo o Corpo de Bombeiros, uma vistoria indicou os danos nas pilastras do edifício, que tem 19 pavimentos residenciais.

O capitão do Corpo de Bombeiros, Thiago Duarte, afirmou que existe o risco de queda do Edifício Residencial Giovannina Sarane Galavotti. O prédio foi entregue aos moradores em 2011 e está localizado na Avenida Jorge Hagge, no Bairro Aviação, a uma quadra da praia.

Anúncios

“A primeira preocupação era retirar os moradores”, explicou ele. “Foram constatadas três colunas rompidas. Agora está sendo feito o trabalho de escoramento para que os esforços das demais colunas [que não sofreram danos] sejam divididos”.

Duarte acrescentou que, até o momento, não é possível apontar a causa dos danos estruturais. Em nota, a prefeitura informou, por volta das 18h, que o prédio ficará interditado totalmente “até que o condomínio apresente uma série de documentações técnicas”.

Anúncios

O município acrescentou ter notificado o condomínio para que apresente a documentação e, a partir disso, o material será analisado pela Secretraia de Urbanismo e Defesa Civil da cidade.

A reportagem entrou em contato, por telefone, com a Construtora JR mas não obteve um retorno até a última atualização desta reportagem. O condomínio também não se posicionou sobre o caso.

Escoramento

A prefeitura afirmou, também por meio de nota, que entre as primeiras medidas adotadas foi realizado o escoramento dos pavimentos onde as pilastras danificadas foram localizadas, no subsolo, térreo, G1 e G2. A equipe de reportagem da TV Tribuna apurou no local que o escoramento é feito por meio de estacas.

Ainda de acordo com o município, outra ação foi o esvaziamento da caixa de água da edificação, com o objetivo de reduzir o peso total prédio nas pilastras.

Coluna de prédio de 23 andares sofre danos estruturais e moradores são obrigados a evacuar edifício (Foto: Reprodução)

Moradora

Em entrevista à TV Tribuna, a moradora aposentada Valderez Maria Afonso afirmou ter escutado um “estrondo” no prédio.

“Achamos que era um terremoto. Estávamos nos preparando para ir até a praia, mas vimos que todo mundo desceu [para a rua]”, relatou ela. “Moro aqui há quase um ano e nunca recebi informações sobre problemas estruturais”.

Valderez disse também que o prédio foi desocupado, as garagens esvaziadas e, depois, os animais domésticos foram retirados dos apartamentos. “Deixamos só os pertences desnecessários. Estamos nervosos, mas vai dar tudo certo”, finalizou ela.

Fonte: G1

Talvez te interesse

Últimas

Anúncios GENEBRA, Suíça, May 30, 2024 (GLOBE NEWSWIRE) — Neste Dia Mundial Sem Tabaco, a World Vapers Alliance (WVA) está...

Categorias