Posto suspeito de comercializar combustível adulterado é lacrado em Assis

Uma operação conjunta entre a Polícia Civil e a Agência Nacional do Petróleo (ANP) lacrou provisoriamente um posto de combustível em Assis na manhã desta quinta-feira (20). O estabelecimento é suspeito de comercializar combustível adulterado.

No final de 2021, um vídeo que circulou nas redes sociais flagrou um funcionário do posto retirando líquido do interior de um tanque próximo às bombas utilizando um balde e, depois, lançava no tanque subterrâneo do estabelecimento.

Posto de combustível suspeito de comercializar combustível adulterado é lacrado em Assis (Foto: Polícia Civil /Divulgação)

Na época, o gerente do local afirmou que o fato era comum, pois, dependendo da posição que o caminhão tanque estacionava no pátio do posto, litros de combustível ficavam retidos. Dessa forma, estes litros eram retirados de forma mecânica e repassados ao tanque subterrâneo de forma manual.

A Polícia Civil instaurou um inquérito policial e oficiou a ANP acerca dos fatos. Na quinta, o estabelecimento foi vistoriado pelas equipes que coletaram uma amostra de combustível que deverá passar por análise.

Polícia Civil instaura inquérito para fiscalizar o posto de combustível suspeito de comercializar combustível adulterado em Assis — Foto: Polícia Civil /Divulgação
Polícia Civil instaura inquérito para fiscalizar o posto de combustível suspeito de comercializar combustível adulterado em Assis (Foto: Polícia Civil /Divulgação)

Fonte: G1