Policial militar é baleado, dirige ferido até hospital, mas morre no interior de SP

Um policial militar de 47 anos morreu ao ser baleado, na madrugada deste domingo (10), em Orlândia (SP). Segundo a Polícia Militar, mesmo ferido, ele conseguiu dirigir até um hospital, mas não resistiu. O suspeito foi preso em flagrante.

O crime aconteceu na Rua Nove, região central de Orlândia, por volta das 2h. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o sargento Mauro César Virgílio de Assis, que estava de folga, seguia de carro com a mulher, quando viu um homem apontar uma espingarda calibre 12 para uma pessoa na rua.

Ele passou a acompanhar o suspeito e pediu apoio da corporação. Ao perceber que estava sendo seguido, o homem parou em frente a uma casa. O sargento desceu do carro, mas foi surpreendido por tiros disparados por ele.

Dois tiros atingiram o policial. De acordo com nota divulgada pela Polícia Militar, Assis dirigiu até a Santa Casa, mas morreu enquanto passava por cirurgia.

O suspeito, um motorista de 37 anos, foi preso e alegou que os disparos foram acidentais. Com ele foram apreendidas duas espingardas calibres 12 e 36, uma garrucha calibre 38, uma espingarda de pressão calibre 5,5 milímetros, um machado e dez facas, além de munição. O armamento foram encaminhado para a perícia.

O motorista foi levado à Central de Polícia Judiciária (CPJ) de São Joaquim da Barra (SP), onde foi autuado em flagrante por homicídio qualificado e posse irregular de arma de fogo de uso permitido.

Fonte: G1

Scroll Up