Polícia prende suspeito de matar adolescente de 15 anos com tiro na cabeça em Marília

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A Polícia Civil, através da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), prendeu temporariamente o suspeito de matar um adolescente de 15 anos com um tiro na cabeça neste domingo (2), na zona rural de Marília (SP).

O jovem de 18 anos se apresentou na delegacia nesta terça-feira (4) e indicou aos policiais onde a arma utilizada no crime foi escondida. Segundo a DIG, a garrucha, com capacidade para dois tiros, estava com um cartucho deflagrado e foi apreendida.

Durante depoimento à polícia, o homem confessou o crime, mas alegou que o tiro foi acidental. Segundo relato do jovem à polícia, ele estava guardando a arma para outra pessoa em troca de algumas porções de maconha.

No domingo (2), o suspeito contou à polícia que estava indo devolver a arma quando viu a sua ex-companheira abraçada com o adolescente de 15 anos, no Bairro Argollo Ferrão. Os dois se envolveram em uma discussão e o jovem alegou que foi empurrado pela vítima.

Ainda de acordo com o que o suspeito relatou à polícia, ele sacou a arma e efetuou um golpe para atingir a cabeça da vítima, mas a garrucha disparou e acertou acidentalmente o adolescente. Segundo a DIG, a arma foi encaminhada para perícia para confronto balístico.

A Polícia Civil pediu a prisão temporária do jovem, que foi decretada e cumprida ainda nesta terça-feira (2). O jovem será levado à cadeia de São Pedro do Turvo e é investigado por homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e por não ter dado condições da vítima se defender.

Segundo o boletim de ocorrência, a vítima, identificada como Gleidson Gabriel de Souza Martins, já era conhecida nos meios policiais por algumas passagens pelo ato infracional de tráfico de entorpecentes.

Fonte: G1 – Foto: Polícia Civil/Divulgação

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes