Polícia apreende material e frustra festa clandestina na zona rural de Lins

A Polícia Civil de Lins (SP) cumpriu nesta sexta-feira (19) três mandados de busca e apreensão nas residências de pessoas que estavam organizando uma festa clandestina na área rural da cidade.

A ação conjunta feita pelas polícias Civil e Militar e o Ministério Público encontrou na casa dos suspeitos todo o material que daria suporte à festa, como copos personalizados e pulseiras plásticas que indicam que o evento seria de grande proporção e de que haveria cobrança de ingressos.

Um dos jovens confessou que, na companhia dos outros investigados, estava organizando o evento no sítio de um deles. A festa seria aberta ao público, porém com cobrança de entrada.

Segundo a polícia, os mandados foram expedidos pela Justiça porque o evento é considerado clandestino, por gerar aglomeração incompatível com a pandemia, e porque havia a suspeita de venda de entorpecentes. Um dos investigados já foi preso por trafico de drogas.

A Polícia Civil ainda investiga se outras festas já foram realizadas na cidade, em desacordo com determinações das autoridades sanitárias, o que pode caracterizar crime.

Fonte: G1

Scroll Up