Passagem do furacão Laura deixa mortos na Louisiana, nos EUA

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A passagem do furacão Laura pelo estado americano de Louisiana nesta quinta-feira (27) deixou ao menos quatro mortes, informaram autoridades locais. Todas as vítimas morreram devido a quedas de árvores sobre as casas onde viviam.

Os fortes ventos também destruíram edifícios em cidades pequenas. Entretanto, o governo local admite que os danos foram menores do que os meteorologistas inicialmente previram — falava-se em furacão “impossível de sobreviver”.

Imagem aérea mostra prédio destelhado após passagem do furacão Laura em Lake Charles, no estado de Louisiana, EUA, nesta quinta-feira (27) — Foto: Mark Mulligan/Houston Chronicle via AP
Imagem aérea mostra prédio destelhado após passagem do furacão Laura em Lake Charles, no estado de Louisiana, EUA, nesta quinta-feira (27) (Foto: Reprodução)

Nesta tarde, o furacão Laura perdeu força e voltou ao patamar de tempestade tropical, com ventos de 85 km/h.

Segundo o governo da Louisiana, uma das vítimas era uma menina de 14 anos. Mesmo com os ventos mais fracos, o governador John Bel Edwards reforçou os pedidos para que os moradores da região ficassem em casa, fechassem portas e janelas e desligassem o ar condicionado. O trânsito precisou ser interrompido em rodovias locais.

Passagem do furacão Laura danificou usina de produtos químicos em Lake Charles, nos EUA, nesta quinta-feira (27) — Foto: David J. Phillip/AP Photo
Passagem do furacão Laura danificou usina de produtos químicos em Lake Charles, nos EUA, nesta quinta-feira (27) (Foto: Reprodução)

“Fiquem em casa e aguardem orientações adicionais das autoridades locais”, tuitou Edwards.

Além disso, uma usina química pegou fogo após a passagem do Laura na manhã desta quinta-feira por Westlake, situada 6,4 quilômetros a oeste de Lake Charles, na Louisiana, lançando uma coluna de fumaça negra e espessa no céu da paisagem assolada por ventos.

Outros estragos

Moradores de Lafayette, na Louisiana (EUA), atravessam rua alagada após passagem do furacão Laura nesta quinta-feira (27) — Foto: Leslie Westbrook/The Advocate via AP
Moradores de Lafayette, na Louisiana (EUA), atravessam rua alagada após passagem do furacão Laura nesta quinta-feira (27) (Foto: Reprodução)

Moradores de Lake Charles ouviram os ventos do Laura uivando e o som de vidro partido à medida que a tempestade atravessava a cidade de 78 mil habitantes com ventos de 137km/h e rajadas de 206 km/h uma hora após a chegada do furacão ao continente.

Tropas da Guarda Nacional retiraram destroços de estradas de Lake Charles na manhã desta quinta-feira. Havia linhas de transmissão caídas nas ruas ao redor da cidade, e os ventos viraram alguns caminhões semirreboque.

Na cidade pequena de Starks, cerca de 40 quilômetros ao noroeste de Lake Charles, pinheiros espalhados por estradas e casas eram o maior desafio para a limpeza local.

Furacão perde força

Tormenta Laura perde força e se torna tempestade tropical no EUA
Furacão Laura perde força e se torna tempestade tropical no EUA (Foto: Reprodução)

O Laura tocou o solo pouco antes da 1h como uma tempestade de categoria 4 com ventos de 240 km/h na pequena cidade de Cameron, na Louisiana, disse o Centro Nacional de Furacões (NHC).

Ele regrediu rapidamente para uma tempestade de categoria 1 na manhã desta quinta-feira, com ventos contínuos máximos de 120 km/h, e desde então se tornou uma tempestades tropical.

O NHC alertou para uma elevação persistente do nível das águas ao longo da Costa do Golfo dos EUA enquanto o Laura estiver rumando para o norte e o nordeste.

Pete Gaynor, administrador da Agência Federal de Gerenciamento de Emergências (Fema), disse à rede Fox News que a agência fará avaliações de danos de tempestade nesta quinta-feira e que tem recursos para reagir à tempestade agora, acrescentando que espera ver danos consideráveis dos ventos e estragos em edifícios.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes