17 de julho, 2024

Últimas:

Paris confirma realização de novo ‘ano’ do Brasil na França em 2025

Anúncios

O desejo de realizar um novo “ano” do Brasil na França, 20 anos depois do sucesso da primeira edição em 2005, foi anunciado em junho por Luiz Inácio Lula da Silva e Emmanuel Macron, durante a visita do presidente brasileiro a Paris. A realização do evento foi confirmada nesta quinta-feira (31) com a publicação pelo Instituto Francês de um edital para o recrutamento do curador da “temporada da França no Brasil », que acontecerá no mesmo momento da temporada brasileira.

O Instituto Francês, que depende do Ministério das Relações Exteriores e do Ministério da Cultura, anunciou que a proposta integra as iniciativas para a “recuperação das relações bilaterais em um contexto político favorável ao desenvolvimento e à retomada da cooperação”.  Nesse contexto, os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Emmanuel Macron tiveram a ideia de reeditar o evento, durante a visita do chefe de Estado brasileiro a Paris, em junho passado. Desde a volta do petista ao poder, os dois líderes se empenharam em superar os atritos ocorridos entre os dois países durante o governo Bolsonaro, mas recentemente temas como a Guerra na Ucrânia e ampliação do Brics, provocaram um certo afastamento.

Anúncios

Em junho, Lula lembrou em Paris o sucesso do Ano do Brasil na França em 2025, que aprofundou a amizade histórica entre os dois países. A reciprocidade, isto é, o Ano da França no Brasil, aconteceu em 2009. O presidente brasileiro salientou que a iniciativa bilateral foi decidida em 2003, há exatos 20 anos, quando ela chegava ao poder pela primeira vez, e que, como agora, o Brasil teve apenas dois anos para organizá-la.

A novidade da reedição do evento é que ele será uma temporada. Vai acontecer durante apenas 4 meses de cada lado do Atlântico, entre os meses de maio de dezembro de 2025. Fontes da embaixada do Brasil em Paris informam que a temporada brasileira será provavelmente de setembro a dezembro. O edital do Instituto Francês salienta que a data da temporada francesa no Brasil ainda não foi definida.

Anúncios

200 anos de relações diplomáticasAlém de marcar os 20 anos do sucesso do Ano do Brasil na França, que foi a maior manifestação cultural brasileira fora do país com a participação de mais de dois mil artistas, a temporada coincide também com os “200 anos das relações diplomáticas entre os dois países”. A França reconheceu a independência do Brasil em 26 de outubro de 1825, três anos depois do Grito do Ipiranga.

O edital francês publicado nesta quinta feira indica que a iniciativa “deve favorecer o desenvolvimento da cooperação em vários setores, como educação, residências artísticas, pesquisa, juventude, experiências profissionais, e deve se apoiar em grandes eventos internacionais multilaterais, como a COP 30, que acontecerá no Brasil também em 2025, dez anos depois do histórico Acordo do Clima de Paris. Os motivos para celebrar a nova temporada cultural entre os dois países não faltam.

Concretamente, as discussões para a organização estão começando. A França acaba de publicar o edital para encontrar o curador francês. O Brasil ainda busca um nome. Fontes brasileiras dizem que as reuniões bilaterais começaram, mas tudo ainda é “incipiente”. Uma das pistas seria, por exemplo, fazer um levantamento e expor todas as obras brasileiras nos acervos dos museus da França.

Os franceses antecipam que os principais temas de destaque podem ser “clima e transição ecológica; democracia e globalização sustentável; diversidade e diálogo com a África”.

Fonte: AgênciasFoto: Ricardo Stuckert/PR

Talvez te interesse

Últimas

O pioneiro da cooperação visual acredita que a inovação pertence à tela e lança uma série de novos recursos que...

Categorias