Para Dorival, Santos não ganha em nada com convocação de Lucas Lima

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Mesmo após o vexame na última Copa do Mundo e todos os problemas nos bastidores, que têm manchado um pouco da credibilidade da Seleção Brasileira de futebol, nenhum jogador consegue negar que vestir a ‘amarelinha’ segue sendo o sonho maior. E com Lucas Lima não é diferente. Convocado pela primeira vez, o meia do Santos atuou nas vitórias amistosas contra Costa Rica e Estados Unidos. Agora, de volta ao clube da Baixada Santista, Dorival Júnior pede para o atleta se manter focado no time.

“Vai ajudar muito, se ele entender o que representou a convocação. Mais do que ajudá-lo tecnicamente. Se ele se preocupar em crescer tecnicamente, vai continuar merecendo a convocação. No mais, não tem muito ganho, não. Agora, a preocupação é se manter no mesmo nível, para que continue chamando atenção e se mantendo”, comentou o treinador.

Dorival inclusive admitiu que Lucas Lima não foi, na seleção, nem perto do jogador decisivo que tem se mostrado com a camisa do Santos. Porém, o comandante santista admite que este é um processo natural.

“A manutenção do trabalho é fundamental para chamar atenção, merecendo uma convocação. Foram boas partidas. Não nas condições que ele já desenvolveu, mas é um fato natural pela chegada, um primeiro momento. Existe uma ambientação. Acredito que pode render mais. Acredito que foi a primeira de muitas que vão acontecer”, explicou.

Enquanto esteve excursionando com o Brasil, o camisa 20 desfalcou o Peixe contra Chapecoense, Sport e São Paulo. E, até de forma surpreendente, a equipe não sentiu tanta falta de seu maestro. O alvinegro praiano manteve o embalo e, com duas vitórias e um empate nos três compromissos, entra em campo, com Lucas Lima, a um ponto do Flamengo, o primeiro dentro do G4 (37 a 38 pontos).

E neste período, Marquinhos Gabriel foi o responsável por fazer a função de principal articulador do time liderado por Dorival Júnior. Neste domingo, contra a Ponte Preta, às 11 horas, em Campinas, o jogador, com crédito, deve ser mantido, mesmo que mais aberto em campo, já que Geuvânio segue fora por lesão.

 “Sem problema nenhum. Fez isso contra o Corinthians, tanto por fora quanto por dentro. Foi brilhante taticamente e tecnicamente”, elogiou Dorival.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes