Palmeiras e Atlético-MG empatam sem gols no jogo de ida da semi da Libertadores

Nesta terça-feira, Palmeiras e Atlético-MG empataram por 0 a 0, no Allianz Parque, na primeira semifinal da Libertadores. O jogo foi um verdadeiro cabo de guerra entre as estratégias de Abel Ferreira e Cuca, com os dois times tendo dificuldade para criar. Hulk perdeu a grande chance da partida, desperdiçando cobrança de pênalti na etapa inicial.

O primeiro tempo foi de pouca inspiração, com o Galo tendo mais posse de bola, enquanto o Palmeiras apostava em contra-ataques, porém sem efetividade. Aos 40 minutos, Gustavo Gómez cometeu pênalti em Diego Costa, porém Hulk desperdiçou a cobrança, mandando na trave.

O segundo tempo seguiu sendo de muita transpiração, mas pouco inspiração. Hulk chegou a arriscar dois chutes de longe, porém não exigiu defesas do Weverton. Do outro lado, o Verdão nem sequer levou perigo no ataque.

A partida de volta entre Atlético-MG e Palmeiras acontece na terça-feira da semana que vem, às 21h30, no Mineirão, que estará parcialmente ocupado por torcedores do Galo.

A partida começou bastante disputada no Allianz, com Felipe Melo envolvido em duas discussões em poucos minutos. A primeira chance foi do Atlético-MG, com Arana, que recebeu de Diego Costa e finalizou rasteiro e cruzado para fora.

O primeiro lance do Palmeiras no ataque veio com Gustavo Gómez, que cabeceou sem tanto perigo por cima do travessão. O cenário da partida não se alterou, com o Galo tendo a posse de bola, e o Verdão apostando em contra-ataques.

Aos 40 minutos, o Atlético-MG teve a chance de abrir o placar. Após cruzamento para dentro da área, Gustavo Gómez errou o tempo da bola e derrubou Diego Costa, cometendo pênalti. Na cobrança, Hulk bateu rasteiro e parou na trave esquerda.

Logo no início da etapa final, Hulk arriscou chute de longe, porém a bola subiu e não levou perigo a Weverton. Mesmo assim, o Galo não conseguiu criar mais chances em seguida, voltando a esbarrar na muralha palmeirense.

Em cobrança de falta da intermediária, Hulk encheu o pé, e a bola passou zunindo ao lado da trave direita. A partir de então, os times até rondaram as áreas no campo ofensivo, porém não levaram perigo efetivamente, e Weverton e Everson terminaram o jogo sem defenderem uma bola.

PALMEIRAS 0 X 0 ATLÉTICO-MG

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data: 21 de setembro de 2021, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Patrício Loustau (ARG)
Assistentes: Diego Bonfa e Gabriel Chade (ambos da ARG)
VAR:  Mauro Vigliano (ARG)
Cartões amarelos: Zé Rafael (Palmeiras); Zaracho (Atlético-MG)

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez, Piquerez; Felipe Melo (Danilo), Zé Rafael (Patrick de Paula), Raphael Veiga, Dudu (Wesley); Rony (Gabriel Veron) e Luiz Adriano (Deyverson).
Técnico: Abel Ferreira

ATLÉTICO-MG: Everson; Mariano, Nathan Silva, Júnior Alonso, Arana; Jair, Allan, Zaracho (Vargas), Nacho Fernández (Nathan); Hulk (Eduardo Sasha) e Diego Costa (Keno).
Técnico: Cuca

Fonte: Yahoo! – Foto: Pedro Souza/Atlético

Scroll Up