Nick Cave fala pela primeira vez sobre a morte do filho

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O músico Nick Cave, de 58 anos, falou pela primeira vez sobre a morte do filho Arthur, de 15 anos, que despencou de um penhasco, em Sussex, na Inglaterra, após consumir LSD, em julho do ano passado. No trailer de divulgação do novo álbum de sua banda, chamada Nick Cave and the Bad Seeds, o australiano classificou a perda do jovem como “catastrófica” e afirmou que o evento mudou seu comportamento. As informações são do jornal “Daily Mail”.

“O que acontece quando um evento é tão catastrófico, você simplesmente muda”, diz o músico durante a gravação. “Você muda de uma pessoa para algúem desconhecido. Então, quando você se olha no espelho, você se reconhece, mas por dentro está diferente”, explica Cave, na sequência em preto e branco, se referindo às mudanças que sofreu após a morte de Arthur.

O jovem morreu em 14 de julho do ano passado ao cair do penhasco pouco tempo após ter tomado LSD e ter ficado desorientado. O corpo dele foi encontrado por pessoas que passavam pelo local. O rapaz era filho de Cave com Susie Bick e tinha um irmão gêmeo, Earl. Durante pouco mais de um ano, o músico australiano se negou a falar sobre a perda do filho.

Fonte: Extra

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes