Marcha do Orgulho Gay reúne milhares de manifestantes em Paris

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Entre 2.000 e 3.000 manifestantes participaram de uma marcha “política” do Orgulho Gay neste sábado (4) em Paris, uma semana depois da data programada para a celebração oficial. A manifestação original foi cancelada devido ao coronavírus.

Uma multidão jovem e multicultural saiu da Praça Pigalle, no bairro de Montmartre, atrás de um caminhão e exibindo uma faixa com o slogan “Nosso orgulho é político”. Entre bandeiras de arco-íris, cabelos coloridos e roupas de drag queen, outras palavras de ordem eram “transfobia mata”, “por uma presidente lésbica” ou “meu corpo, meu gênero, cale a sua boca”.

Sem carros alegóricos ou música, o encontro deste sábado foi mais político do que festivo. A marcha oficial do Orgulho Gay estava prevista para 27 de junho na França, mas foi adiada para 7 de novembro devido à proibição de concentrações de pessoas para conter a pandemia de Covid-19.

Apenas Taiwan, pouco atingida pelo coronavírus, manteve a programação de protestos. Ainda assim, várias associações LGBT francesas marcaram um protesto improvisado para este fim de semana.

Grupo participa da marcha do Orgulho LGBT em Paris, capital da França, neste sábado (4) — Foto: Charles Platiau/Reuters
Grupo participa da marcha do Orgulho LGBT em Paris, capital da França, neste sábado (4) (Fotos: Reprodução)

Ameaça de retrocessos

“É importante celebrar o orgulho da mesma forma”, afirmou a participante Emma Vallée-Guillard. “O orgulho, originalmente, foi uma revolta”, lembra a jovem de 22 anos, referindo-se aos distúrbios de Stonewall, em Nova York, em 1969, desencadeados por uma batida policial em um bar frequentado por gays e que resultou na primeira marcha pela causa.

“O perigo de retrocessos de nossos direitos fundamentais está muito presente e a epidemia serviu para revelar múltiplos fatores de exclusão, discriminação e violência”, afirmou Giovanna Rincon, diretora da associação Acceptess-T, que defende pessoas trans.

O ano de 2020 marca o 50º aniversário do Orgulho Gay, mas devido ao contexto da pandemia, centenas de marchas pelo mundo foram canceladas ou adiadas.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes