Mais de 10 mil pessoas são retiradas de casas nos EUA por transbordamento de represas

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Milhares de moradores foram evacuados no estado americano do Michigan nesta quarta-feira (20), quando duas represas transbordaram após fortes chuvas, fazendo com que autoridades alertassem para “inundações históricas”.

A governadora Gretchen Whitmer declarou estado de emergência no condado de Midland, em Edenville e Sanford, onde estão localizadas as represas.

“Os moradores da área foram instruídos a evacuar imediatamente”, disse Whitmer na noite de terça-feira, em um discurso no centro de atenção de emergências do estado.

 Vista aérea da rua principal alagada em Sanford, Michigan, após as águas do rio Tittabawassee romperem represa, na quarta-feira (20) — Foto: Gregory Shamus/Getty Images/AFP
Vista aérea da rua principal alagada em Sanford, Michigan, após as águas do rio Tittabawassee romperem represa, na quarta-feira (20) (Fotos: Reprodução)

Cerca de 10 mil moradores da cidade e outras 950 pessoas das proximidades deixaram o local, informou o condado de Midland, em sua página no Facebook.

O Serviço Meteorológico Nacional alertou sobre inundações repentinas que ameaçam vidas e pediu aos moradores da região que buscassem terrenos mais altos imediatamente.

Segundo Whitmer, a área central de Midland, uma cidade de aproximadamente 42 mil habitantes, poderia ser rapidamente inundada sob aproximadamente 2,7 metros d’água.

“Estamos antecipando um nível historicamente alto de água”, enfatizou a governadora.

Não estava claro se houve mortes pelas inundações iniciais, afirmou o jornal “Detroit Free Press”.

Moradora da região observa o que sobrou da ponte na West Curtis Road, que foi arrastada pelas cheias em Edenville, Michigan, na quarta-feira (20) — Foto: Matthew Hatcher/Getty Images/AFP
Moradora da região observa o que sobrou da ponte na West Curtis Road, que foi arrastada pelas cheias em Edenville, Michigan, na quarta-feira (20) (Foto: Reprodução)

O desastre das inundações e a consequente evacuação são agravados pela pandemia de coronavírus, que obrigou os habitantes de Michigan, como todos os americanos, a manter o distanciamento social para evitar a propagação da doença.

“É difícil acreditar que estamos em meio a uma crise que chega a cada 100 anos, uma pandemia mundial, e que devemos enfrentar também o que parece ser a pior inundação em 500 anos”, ressaltou Whitmer.

Whitmer pediu aos evacuados em abrigos que usem máscaras faciais e mantenham o distanciamento social sempre que possível.

Vários rios no Michigan, estado do norte rodeado pelos Grandes Lagos, alcançaram um nível de potencial inundação na terça-feira após as intensas chuvas dos últimos dias, informou a Free Press.

O presidente Donald Trump planeja viajar na quinta-feira para o Michigan, um importante estado eleitoral, para visitar uma fábrica de automóveis que foi reutilizada para fabricar respiradores. A fábrica se encontra no sul do estado, próxima a Detroit.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes