Autoridades americanas dão como mortos membros desaparecidos da família Kennedy

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

As buscas por dois membros da família Kennedy desaparecidos durante um passeio de canoa não rendeu frutos, e autoridades americanas os deram como mortos, anunciaram neste sábado familiares.

Trata-se de um novo drama para a célebre dinastia americana, atingida várias vezes por tragédias desde o assassinato, em 1963, em Dallas, do presidente democrata John Fitzgerald Kennedy (JFK) (foto).

Sua sobrinha-neta, Maeve Kennedy McKean, 40, não retornou, na última quinta-feira, de um passeio de canoa com o filho Gideon, 8, na baía de Chesapeake, região de Washington, anunciaram autoridades ontem. A guarda costeira, polícia e bombeiros iniciaram buscas, mas não os encontraram.

Maeve Kennedy Townsend McKean e família, incluindo seu filho Gideon Joseph Kennedy McKean, no canto inferior direito (Fotos: Reprodução)

“As buscas já não eram uma operação de resgate, e sim de recuperação dos corpos”, assinalou em comunicado a mãe e avó das vítimas, Kathleen Kennedy Townsend, filha mais velha do ex-secretário de Justiça Robert Kennedy, irmão de John assassinado em 1968, quando tinhas grandes chances de vencer as primárias para representar os democratas nas eleições presidenciais.

A família enfrentou outros dramas, como a morte de um dos filhos de Robert Kennedy, David, aos 28 anos, de overdose de cocaína em um hotel da Flórida, em 1984.

Robert F. Kennedy, irmão do presidente John F. Kennedy (Foto: Reprodução)

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes