Mulher mais alta do mundo bate outros três recordes no Guiness

A turca Rumeysa Gelgi, considerada a mulher viva mais alta do mundo desde outubro de 2021, acaba de quebrar outros três recordes do Guiness. Esta semana ela anunciou que é também a mulher viva com as maiores medidas de mãos, dedos e costas.

Ela tem 25 anos e mede 2,15 metros. A recordista sofre da síndrome de Weaver, uma condição rara que acelera o crescimento. Até hoje, apenas 50 casos como o dela foram descritos na literatura médica.

Rumeysa Gelgi (Foto: Divulgação/Guinness World Records)
Rumeysa Gelgi (Foto: Divulgação/Guinness World Records)

“Quando criança, tive que lidar com bullying. Não foi fácil desenvolver minha autoestima durante aqueles anos. Mas a verdade é que sempre me senti única graças à atitude positiva que meus pais me incutiram”, disse à BBC quando ganhou seu primeiro título no livro dos recordes.

As mãos de Rumeysa medem 24,26 centímetros (esquerda) e 24,93 centímetros (direita). Seu dedo mais longo tem 11,20 centímetros e as costas medem 59,90 centímetros, segundo o Guiness. Em 2014, ela recebeu o título de adolescente viva mais alta do mundo – então com 2,13 metros. Com isso, a turca já soma cinco recordes mundiais.

Fonte: Galileu