Mulher é presa com fita adesiva a assento após tentar abrir porta de avião nos EUA

Uma mulher foi presa com fita adesiva (silver tape) a um assento de avião na semana passada depois de ter atacado a tripulação e tentado abrir a porta da aeronave no meio de voo nos EUA.

Um vídeo postado nas redes sociais mostrou a mulher de cabelos grisalhos com fita adesiva prateada sobre a boca, e seus braços e corpo colados ao assento, também com a ajuda do cinto de segurança.

Ela podia ser ouvida gritando “Vocês! Vocês! Vocês!” enquanto os passageiros saíam do voo 1774 da American Airlines e passavam por ela. Os comissários de bordo acenaram com a cabeça calmamente, de acordo com a filmagem postada por usuária do TikTok, que, posteriormente, foi retirada da rede.

O voo de duas horas na última terça-feira (6/7) de Dallas-Fort Worth, Texas, para Charlotte, Carolina do Norte, foi atrasado por pelo menos três horas antes de finalmente partir à meia-noite. Mas, cerca de uma hora após o início da viagem, o caos estourou, disse a usuária da rede social em vídeos descrevendo a cena agitada, segundo o “NY Post”. A conta se encontra indisponível.

Os comissários de bordo começaram a acender as luzes por volta de 1h30m, disse ela, “e vimos todos os comissários correndo para cima e para baixo nos corredores, freneticamente sussurrando uns para os outros”.

A tripulação do avião começou a trancar banheiros, pegar sacolas do compartimento superior e não quis dizer o que estava acontecendo, contou a internauta.

Mulher é presa com fita adesiva a assento de avião nos EUA
Mulher é presa com fita adesiva a assento de avião nos EUA (Fotos: Reprodução/TikTok)

“Era uma espécie de caos e ninguém sabia o que está acontecendo”, ela continuou.

Por fim, o piloto falou pelo interfone, pedindo às pessoas que permanecessem em seus assentos e referindo-se a “uma situação ruim no avião neste momento”.

“Então estamos gradualmente começando a ouvir mais e mais gritos”, observou ela.

Quando o avião estava prestes a pousar, uma comissária de bordo que estava sentada perto deles explicou que uma mulher “teve uma explosão e quis sair do avião. E ela estava dizendo, ‘Eu preciso sair deste avião’, e ela foi até as saídas e começou a bater nas portas, dizendo: ‘Você precisa me deixar sair deste avião!'”.

Não é possível abrir a porta de uma aeronave em pleno voo.

A mulher, cuja identidade não foi revelada, foi levada a hospital de Charlotte para avaliação. O nome dela foi posto em lista de proibidos de voar.

Fonte: Extra

Scroll Up