Morre o técnico Carlos Amadeu, ex-seleção brasileira sub-20

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Morreu neste domingo Carlos Amadeu Nascimento Lemos, de 55 anos – ele sofreu ataque cardíaco e faleceu na Arábia Saudita, onde trabalhava desde agosto. Conhecido como Carlos Amadeu no futebol, ele foi jogador, campeão brasileiro pelo Bahia em 1988, e era treinador. Teve passagens pela base e pelo profissional do Vitória – conquistou o Brasileiro sub-20 -, do Bahia e estava no Al-Hillal.

Depois da convocação de Gabriel Menino, procurei o treinador – um autêntico bom baiano, pelo temperamento, bom humor de Salvador – para conversar um pouco das lembranças que tinha deste jogador. Foi titular com ele na maioria das partidas do Sul-Americano sub-20 em 2019, no Chile, que acompanhei direto de Rancagua. Amadeu me atendeu pelo Skype, tarde da noite, no quarto do hotel onde vivia. Falamos por um tempo.

Sempre sereno, com uma paz de espírito até para falar daquele último time que dirigiu na seleção. Lembrei a ele que Gabriel Menino, Tetê, Emerson, Igor Gomes e outros estavam como destaques de seus times e eram tão contestados naquela competição. Na mesma conversa, abordou extracampo de jogadores, tentando passar conhecimento sobre o que faz um atleta demorar a “estourar”.

Em agosto, Amadeu aceitou proposta do Al-Hillal e foi trabalhar no sub-20 na Arábia Saudita. A notícia foi publicada nesta tarde pelo jornal “O Globo” e confirmada pelo clube árabe. Amadeu sofreu ataque cardíaco e morreu na residência em que vivia no país árabe.

Nos últimos dias, ele publicou os bons resultados que vinha obtendo pelo clube, com sequência de oito partidas invictas. Sempre com sorriso largo, quase sempre de máscara, com cuidados pelo novo coronavírus. Ele deixa a mulher Dora e os filhos Ricardo e Matheus.

Confira a nota do Al-Hillal:

“O conselho de diretores do clube, presidido pelo Sr. Fahad Bin Saad Bin Nafel, e os empregados do clube ofereceram sinceras condolências e expressaram sua simpatia à família do técnico brasileiro do Al Hilal Sub-19, Carlos Amadeu, que morreu neste domingo depois de um ataque cardíaco em sua casa, em Riad. O Al Hilal ofereceu sinceras condolências à CBF e seus dirigentes, jogadores e técnicos.”

No time campeão brasileiro de 1998 era reserva. Evaristo de Macedo brincava com ele: "Meu lateral que só leva bola nas costas" — Foto: Reprodução
No time campeão brasileiro de 1998 era reserva. Evaristo de Macedo brincava com ele: “Meu lateral que só leva bola nas costas” (Foto: Reprodução)

Educador

Com jeito calmo, Amadeu se mantinha sereno em momentos de maior pressão, como aconteceu no sul-americano sub-20, que terminou culminando na sua demissão da CBF. Ele treinou as seleções sub-17 e sub-20 da Seleção, até fevereiro de 2019.

Em 2012, Amadeu descobriu deficiência em um dos ouvidos. Bem-humorado, contava que lhe era útil em alguns momentos dos jogos. Ele usava aparelho para minimizar o impacto. Contou aos risos essa história que reproduzo abaixo.

Amadeu na lateral esquerda em tempos de futebol baiano  — Foto: Reprodução
Amadeu na lateral esquerda em tempos de futebol baiano (Foto: Reprodução)

– Às vezes é muita vantagem (risos). Quando a coisa está pegando lá em cima, eu desligo aqui e fico numa paz. Houve um jogo (na preparação) em Minas e a torcida estava muito nervosa atrás de mim. Parecia que estava estrondando meu ouvido. (Faz o gesto no ouvido) Eu desliguei, fiquei numa paz. Tão bom (risos), uma tranquilidade – brincava o treinador.

O treinador trabalhou com formação de atletas, no campo ou no salão, desde 1992. No Vitória, treinou Vampeta, o falecido Alex Alves, entre outros. Na seleção, recentemente, esteve com Vinicius Junior e Paulinho. Trabalhou na seleção com inúmeros profissionais, como Odair Hellman, que foi seu auxiliar na CBF e o definiu uma vez para o perfil que escrevi: “professor na acepção da palavra”.

Amadeu foi campeão sul-americano invicto em 2017 e terceiro colocado no Mundial. Antes, dirigiu por quase seis anos o Vitória – foi campeão da Copa do Brasil sub-20 em 2012 – e também foi técnico do Bahia. Nos dois clubes da Bahia teve períodos curtos no profissional.

Amadeu e Odair na seleção sub-17 — Foto: CBF
Amadeu e Odair na seleção sub-17 (Foto: CBF)

Fonte: G1 – Foto: Mauro Neto / Sejel Amazonas / Divulgação/CBF

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes