Morre menino que passou por transplante de coração após mobilizar médicos e policiais no interior de SP

O menino de 7 anos que mobilizou médicos e policiais para passar por um transplante de coração no Hospital da Criança e Maternidade de São José do Rio Preto (SP) em fevereiro deste ano não resistiu às complicações de uma nova cirurgia e morreu na quarta-feira (8).

Vitor Ribas da Silva chegou a ficar internado após o novo procedimento, mas não resistiu.

O menino passou pelo transplante no início do ano após ser diagnosticado com miocardiopatia, que provoca a insuficiência cardíaca.

Vitor Ribas da Silva, de 6 anos, passou por transplante do coração no Hospital da Criança e Maternidade (Foto: HCM/Divulgação)

Para que o procedimento fosse realizado com sucesso, a Central de Transplantes do Estado de São Paulo informou na madrugada do dia 21 de fevereiro que havia um possível doador do coração ao menino.

Ao ser notificada sobre o possível doador de 24 anos, de Ribeirão Preto (SP), a equipe médica do HCM mobilizou policiais militares e o helicóptero Águia para fazer o transporte do coração até Rio Preto. Na época, o procedimento foi um sucesso.

Fonte: G1

Scroll Up