Morcegos-vampiros começaram a se alimentar de sangue humano no Brasil

Os morcegos-vampiros da América do Sul começaram a se alimentar de sangue humano, dizem os cientistas – numa modificação alarmante e intrigante ao mesmo tempo.

Os pesquisadores encontraram DNA de frangos e humanos em fezes de morcegos – uma surpresa, já que os morcegos normalmente se alimentam de sangue de aves.

Enrico Bernard, da Universidade Federal de Pernambuco, disse à revista New Scientist: “Ficamos muito surpresos. Essa espécie não é adaptada para se alimentar de mamíferos.”

A equipe de Bernard analisou 15 amostras fecais de uma colônia de morcegos-vampiros encontrados nas áreas de caatinga do Brasil, relata o Science Alert.

Eles descobriram que a população de aves na área caiu devido ao desmatamento, e que os morcegos tinham DNA tanto de aves quanto humano, em suas fezes.

A equipe escreve: “As condições das residências em Catimbau são muito duras e os animais domésticos da área estão em contato direto com os humanos, o que pode explicar a ocorrência de DNA humano em nossas amostras”.

O que não está claro é como os morcegos se adaptaram ao sangue humano – e se sua nova dieta constitui risco para os seres humanos, já que a New Scientist relata que, no passado, mostrou-se que os morcegos transportavam o hantavirus, que pode ser letal para os humanos.

Fonte: Yahoo!

Scroll Up