Massagista do São Paulo deixa hospital e está clinicamente estável

Marcelo Silva, um dos massagistas do São Paulo, teve uma crise convulsiva durante o segundo tempo da partida contra o Fortaleza, neste sábado à noite, no Morumbi, e precisou de atendimento médico. Ele foi retirado de ambulância do estádio e levado a um hospital.

Ainda no sábado, uma publicação do São Paulo nas redes sociais anunciou que Marcelinho, como é chamado, estava bem, estável e seria submetido a exames neurológicos. No início da tarde do domingo, o clube divulgou que o funcionário deixou o hospital e agora continuará a investigação clínica ambulatorialmente.

O problema com Marcelinho aconteceu aos 32 minutos do segundo tempo. Ao perceberem que o profissional passava mal, todos os integrantes do banco de reservas do São Paulo pediram que o jogo fosse parado.

Acordado, o massagista recebeu os primeiros atendimentos das equipes médicas dos dois clubes. A ambulância que prestava serviço no estádio demorou a ser ligada, possivelmente por um problema técnico.

Nas imagens da transmissão do Premiere é possível ver Marcelo Silva acordado sendo colocado na ambulância para o encaminhamento ao hospital.

A partida ficou parada por oito minutos e em seguida foi reiniciada.

Fonte: G1 – Foto: Reprodução