Marinho, do Santos, é eleito o melhor jogador da Libertadores 2020

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O desfecho da final da Conmebol Libertadores 2020 não foi o que Marinho nem o torcedor santista imaginava. Apesar do revés de 1 a 0 sofrido para o Palmeiras, o craque da Vila teve seu mérito individual reconhecido e foi eleito o melhor jogador do torneio continental. Em eleição por voto popular, o atacante do Peixe desbancou Weverton e Rony, do Verdão, além de Soteldo, seu companheiro de time. Ao fim da partida, Marinho recebeu o prêmio – um anel com seu design inspirado no estádio do Maracanã, sede da decisão.

Ao longo da competição, Marinho disputou dez partidas e balançou as redes em quatro oportunidades – dois na fase de grupos e dois já na fase de mata-mata, diante de LDU e Grêmio. O atacante também deu uma assistência no torneio. Liderança técnica do Santos, o craque também se destacou nos duelos diante do Boca Juniors, pelas semifinais da Libertadores. Ao lado de Soteldo, Marinho foi primordial na campanha alvinegra em busca da América nesta temporada.

Após receber o anel como prêmio por seu desempenho na Libertadores, Marinho não repercutiu seu feito individual. Visivelmente emocionado após a derrota no Maracanã, o craque do Santos não conseguiu conter as lágrimas após ser eleito o melhor jogador da competição.

Anel entregue a Marinho, do Santos, o melhor jogador da Libertadores — Foto: Divulgação
Anel entregue a Marinho, do Santos, o melhor jogador da Libertadores (Foto: Divulgação)

Fonte: CBF – Foto: Ivan Storti/Santos FC

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes