Marília Mendonça fez post exatamente dois anos antes de morrer em acidente aéreo: ‘trocaria qualquer coisa para não ter que ficar pegando avião’

Em 5 de novembro de 2019, exatamente dois anos antes de ter morrido na queda de um avião de pequeno porte, a cantora Marília Mendonça fez o seguinte post numa rede social: “Cada um nas suas dificuldades, eu trocaria qualquer coisa para não ter que ficar pegando avião. Só para ficar pertinho da família. Mas é isso! Somos mais fortes do que imaginamos!”.

Post de Marília Mendonça no Twitter (Foto: Twitter/Reprodução)

Considerada uma das artistas mais populares da música sertaneja do Brasil, Marília Mendonça estava numa aeronave, com mais quatro pessoas, que caiu nesta sexta-feira (5) perto de uma cachoeira na serra de Caratinga, interior de Minas Gerais. Nenhum ocupante da avião sobreviveu.

A cantora nasceu em Cristianópolis (GO) em 22 de julho de 1995. Surgiu como ícone do feminejo, em 2016, com sucessos como “Infiel” e “Eu sei de cor”. Antes, já era compositora de sucessos do sertanejo. Marília Mendonça deixa um filho de um ano.

O acidente

Em nota divulgada nesta sexta à tarde após o acidente, a assessoria de imprensa de Marília Mendonça informou:

“Com imenso pesar, confirmamos a morte da cantora Marília Mendonça, seu produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e copiloto do avião, os quais iremos preservar os nomes neste momento. O avião decolou de Goiânia com destino a Caratinga/MG, onde Marília teria uma apresentação esta noite. De momento, são estas as informações que temos”.

Antes de embarcar, Marília Mendonça fez um vídeo em que aparecia entrando no avião e publicou no Twitter.

A aeronave era um bimotor Beech Aircraft, da PEC Táxi Aéreo, de Goiás, prefixo PT-ONJ, com capacidade para seis passageiros. Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o avião está em situação regular e tem autorização para fazer táxi aéreo.

Até a última atualização desta reportagem, não havia informações sobre o motivo da queda. A Aeronáutica deve apurar as causas do acidente. Investigadores foram enviados ao local.

Fonte: G1

Scroll Up