Malásia abre mercado de frango para mais quatro frigoríficos brasileiros

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Quatro novos frigoríficos brasileiros foram habilitados hoje (13) para exportar carne de frango para a Malásia, informou a secretária de Relações Internacionais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tatiana Palermo.

Atualmente, apenas um frigorífico nacional está habilitado a vender para a Malásia. Mas, segundo a secretária, os contatos entre os governos dos dois países têm se intensificado na área comercial. O ministério programa, inclusive, uma missão oficial da ministra Kátia Abreu àquele país.

Agora, são cinco frigoríficos brasileiros que podem exportar frango para a Malásia.  “Vamos trabalhar para habilitar outras plantas, adequando-as às rígidas normas de abate halal (forma como as aves devem ser mortas para consumo dos muçulmanos)”, acrescentou a secretária.

Com a habilitação anunciada, a Associação Brasileira de Proteína Animal estima que o Brasil deve exportar 15 mil toneladas de carne de frango ao ano para o país asiático, o que representa 31% do total de 48 mil toneladas importadas anualmente pela Malásia. A entidade calcula que a balança comercial brasileira será incrementada com divisas anuais de US$ 35 milhões.

De acordo com Tatiana Palermo, a habilitação das novas plantas de carne de frango faz parte do esforço que o Ministério da Agricultura tem feito para ampliar as exportações brasileiras e conquistar novos mercados.

Semana passada, o ministério assinou com o Serviço Federal de Vigilância Veterinária e Fitossanitária da Rússia protocolo que viabilizará a habilitação de 74 empresas brasileiras exportadoras de tripas.

Desde o ano passado, esses estabelecimentos estão impedidos de vender seus subprodutos de carne à Rússia, por causa de novos requisitos técnicos estabelecidos pelo país europeu. Segundo a secretária, o protocolo abre caminho para que as 74 plantas brasileiras retomem suas vendas.

A assinatura ocorreu em Moscou, durante a 5ª Reunião de Ministros da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário do Brics – bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

Fonte: Agência Brasil

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes