Mais de 130 pessoas quase morreram afogadas nas praias de SP, só na semana de Ano Novo, diz GBMar

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

136 pessoas nasceram de novo no litoral paulista somente nos quatro dias  da virada de ano. Elas foram salvas de afogamentos nas praias da região no período 31 de dezembro de 2020 ao dia 03 de janeiro de 2021 . Os números são do Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar).

No mesmo período, dois homens morreram afogados em Praia Grande e Guarujá, respectivamente nos dias 31 de dezembro e 1º de janeiro.

Em Praia Grande, um homem de 22 anos, de São Paulo, foi resgatado de uma área de risco pelos guarda-vidas do GBMar. O GBmar efetuou o resgate do homem, realizou os primeiros socorros e o encaminhou ao Posto de Saúde de Quietude, onde o homem não sobreviveu. O homem se afogava com mais duas pessoas que foram resgatadas e sobreviveram.

No Guarujá, no primeiro dia do ano, um homem de 27 anos, morador da cidade, foi encontrado na faixa de areia por populares que solicitaram apoio do Corpo de Bombeiros. A Unidade de Resgate e Salvamento Aquático foi até o local e constatou que o jovem estava em parada cardiorrespiratória. A vítima foi conduzida até Unidade de Pronto Atendimento (UPA) mais próxima e, no atendimento médico, foi constatado o óbito. 

De acordo com as informações do GBMar, o maior número de salvamentos ocorreu no domingo, 03, quando 55 pessoas foram salvas de morrerem afogadas no litoral paulista. No dia anterior, sábado, 02, foram realizados 44 salvamentos. Na sexta-feira, primeiro dia de 2021, doze pessoas nasceram de novo. No dia anterior, 25 pessoas foram salvas. 

No mesmo período da virada de 2019 para 2020, três pessoas morreram afogadas e 244 foram salvas. 

Fonte: Sistema Costa Norte de Comunicação

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes