Maio termina úmido e com temperaturas amenas em São Paulo

Depois de um fim de semana com dias quentes e umidade do ar muito baixa, uma frente fria avança em boa hora para movimentar a atmosfera e ajudar a dispersar a poluição, aliviando a secura do ar dos últimos dias no estado de São Paulo. O mês de maio termina úmido e com temperaturas mais amenas em algumas regiões.

Nesta segunda-feira (30), a chegada da frente fria deixa o tempo instável em boa parte do estado. Chove a qualquer hora com moderada a forte intensidade nas regiões de Presidente Prudente, Marília, Bauru, Itapeva, Sorocaba e no litoral sul, mas o sol ainda aparece, intercalando períodos de céu nublado. No extremo sul paulista, o céu fica encoberto e chove a qualquer hora.

Atenção! O risco de temporais aumenta em todo o oeste e sul paulista: a chuva pode acontecer de forma intensa, acompanhada por raios e rajadas de vento de até 70 km/h.

Na Grande São Paulo e na Baixada Santista, o céu fica com muitas nuvens já pela manhã, mas chove de forma moderada a forte somente a partir da tarde, com potenciais trovoadas e rajadas de vento. Nas regiões de Araçatuba, São José do Rio Preto, Araraquara, Ribeirão Preto, Campinas, Vale do Paraíba e litoral norte, o sol brilha forte pela manhã, mas a nebulosidade aumenta a partir da tarde, e ocorrem pancadas de chuva com trovoadas de forma mais isolada. No extremo norte paulista e nos municípios de divisa com Minas Gerais o tempo segue firme, com muito sol e calor.

Temperaturas ficam mais amenas

O tempo mais encoberto e a umidade constante no estado de São Paulo diminui as temperaturas em vários municípios. As temperaturas não diminuem de forma significativa, será uma semana mais amena, se comparado ao calor atípico da semana passada.

Na capital, a máxima ainda chega aos 27 °C nesta segunda-feira (30) e oscila entre 21 a 25 °C nos próximos dias. As cidades de Ribeirão Preto e São José do Rio Preto, continuam com máximas acima dos 30 °C até o fim desta semana.

A última terça-feira (31) de maio será marcada por céu nublado e chuva frequente na região do Vale do Ribeira. As pancadas de chuva acontecem em vários momentos e não se descarta o risco de temporais. Na capital, região da Baixada Santista, litoral sul e no oeste paulista, muitas nuvens se formam e pode chover a qualquer hora, mas ainda de forma isolada e mal distribuída.

As áreas do norte do estado continuam com sol e sensação de calor. As nuvens carregadas se formam no período da tarde e volta chover com risco de trovoadas.

GettyImages-1016017346

Foto: Getty Images

As instabilidades perdem força na maior parte do estado a partir da quarta-feira, 1 de junho. O dia será marcado por variação de nebulosidade na capital, região central e norte de São Paulo e sem expectativa para chuva. O tempo fica carregado no extremo sul paulista e chove em vários momentos. No litoral norte, chuva fraca e isolada. 

A chuva continua concentrada em áreas do sudoeste, sul e leste de São Paulo, pelo menos até a sexta-feira (03). O tempo já volta a ficar firme no centro-norte paulista. Na capital, há condições para chuva isolada e passageira, mas que pontualmente pode vir com moderada a forte intensidade até o fim da semana. O mês de junho começa com mais umidade, mas ainda com chuva de forma mal distribuída em São Paulo.

Últimas

Botucatu: Obituário 14 de agosto de 2022

14/08/2022

Toshio Abe – 97 anos Sepultamento Cemitério Portal das Cruzes 15/08/22 às 17h Velório Complexo Funerário...

Categorias