Lugano substitui Maicon, e Ricardo Gomes testa variações no São Paulo

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Ricardo Gomes escolheu Lugano para substituir Maicon, com estiramento na coxa esquerda, para encarar o Juventude, nesta quinta-feira, às 21h30, em Caxias do Sul, pelo segundo jogo das oitavas de final da Copa do Brasil.

No treino do São Paulo desta terça-feira, no CT da Barra Funda, o comandante esboçou a equipe titular em uma atividade “fantasma” em metade do campo, sem um time reserva, e testou variações. O ídolo uruguaio foi mantido ao lado de Rodrigo Caio o tempo todo. Com isso, Lyanco ficou como opção no banco de reservas

Formação do São Paulo com três volantes (Foto: GloboEsporte.com)
Formação do São Paulo com três volantes no treino

O Tricolor titular iniciou o treino tático com: Denis; Bruno, Lugano, Rodrigo Caio e Mena; Hudson, Thiago Mendes, Wesley, Kelvin e Cueva; Chavez (veja no primeiro campinho). Ricardo Gomes, então, fez substituições nas duas laterais: trocou Mena por Carlinhos, e Bruno por Buffarini. 

Depois, Ricardo Gomes mudou o time novamente: substituiu Hudson por Gilberto e ficou com dois volantes, dois pontas e dois centroavantes (veja no segundo campinho). Durante o treino, ele pediu para Rodrigo Caio participar da saída de bola e insistiu na troca de passes rápidos com virada de jogo para aproveitar a subida dos laterais (veja no vídeo acima um cruzamento de Buffarini completado por Chavez para o gol).

– O treino de hoje não é específico apenas para o jogo contra o Juventude, mas será usado também. É um dos treinos táticos para a parte ofensiva, que força as tabelas pelo meio e exige que os laterais abram pelas pontas. E esse tem sido o nosso dia a dia. Ainda estamos recuperando fisicamente alguns atletas, então por isso não colocamos adversidades no treino. Claro, melhor seria com adversidade, mas tentamos colocar em prática situações de jogo – disse Ricardo Gomes, ao site oficial do Tricolor.

Campinho São Paulo x Juventude 3 (Foto: GloboEsporte.com)
Segunda formação testada por Ricardo Gomes com dois centroavantes

No fim do treino, os atletas treinaram finalizações com cruzamentos dos dois lados. Em um campo à parte, Jean Carlos trabalhou com bola supervisionado pelo fisioterapeuta Carlos Alberto Presinoti. O meia se recuperou de um desconforto na coxa e evolui para poder estrear, mas não pode enfrentar o Juventude.

O jogador ex-Vila Nova foi contratado após o término do período de inscrições para a Copa do Brasil. Ele tenta ficar à disposição para domingo, contra o Vitória, no Barradão, pelo Brasileirão. O caso é o mesmo do atacante Robson, que também não seguirá com a delegação para Caxias do Sul. 

Para seguir adiante na Copa do Brasil, o São Paulo precisa ganhar do Juventude por dois gols de diferença ou por um gol desde que marque três ou mais vezes (exemplo: 3 a 2, 4 a 3 e etc). Uma vitória por 2 a 1 leva a decisão da vaga para os pênaltis. No primeiro duelo, o Tricolor foi surpreendido e perdeu por 2 a 1 no Morumbi, para desespero do seu torcedor, que protestou muito após a partida.

Próximo adversário: Juventude
Competição: jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil (ida: São Paulo 1 x 2 Juventude)
Local: estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)
Data e horário: quinta-feira, às 21h30
Escalação provável: Denis; Bruno (Buffarini), Lugano, Rodrigo Caio e Mena (Carlinhos); Hudson (Gilberto), Thiago Mendes, Wesley, Kelvin e Cueva; Chavez.
Desfalques: Maicon, Breno, Ytalo e Lucas Fernandes (machucados), Jean Carlos e Robson (não estão inscritos na competição) e Wellington e Renan Ribeiro (aprimoram a forma física). 
Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG), auxiliado por Pablo Almeida da Costa (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (MG).

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes