Laranjal Paulista decreta ‘lockdown’ para conter o aumento de novos casos da Covid-19

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O prefeito de Laranjal Paulista (SP), Alcides de Moura Campos Júnior (PSD), publicou um vídeo nas redes sociais da prefeitura nesta terça-feira (23) informando que decretará medidas mais rígidas de isolamento, o chamado “lockdown”, de 26 de março a 4 de abril. A decisão busca evitar o aumento de casos de Covid-19 no município.

De acordo com o prefeito, os insumos para o tratamento de pacientes com o coronavírus estão acabando. A cidade teria medicamentos e utensílios para apenas mais sete dias.

Além disso, com a decisão da prefeitura de São Paulo em decretar feriado prolongado na próxima semana, bem como o fechamento das praias no litoral, o chefe do Executivo teme que possa haver uma migração de pessoas para o interior durante o período.

No vídeo, Campos Júnior comenta que o sistema de saúde da região entrou em colapso, lembrando que, em Laranjal Paulista, há 100% de ocupação em leitos de UTI e enfermaria.

“Eu não tive outra alternativa a não ser decretar ‘lockdown’ do dia 26 (de março) a 4 de abril. É uma atitude extrema que eu jamais pensei em tomar e jamais queria tomar, mas chegou o momento de lutar pela vida e pela saúde. Eu peço a colaboração e a compreensão de todos, nos ajude a combater esta doença. Juntos, nós vamos vencer e lutar pela vida”, desabafou o prefeito.

Laranjal Paulista contabiliza 2.488 casos e 27 mortes confirmadas por coronavírus. Tanto Alcides de Moura Campos Júnior quanto a sua esposa,foram diagnosticados com a Covid-19.

O prefeito precisou ser levado para um hospital da capital, onde ficou internado, respirando com a ajuda de aparelhos, por aproximadamente 10 dias.

A prefeitura, no entanto, não informou ainda os termos do decreto do “lockdown”. Os detalhes devem ser publicados no diário oficial do município desta quarta-feira (24).

Fonte: G1 – Foto: Prefeitura de Laranjal Paulista/Divulgação

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes