Jovem é baleado na cabeça após se envolver em briga durante festa no interior de SP

Um jovem de 20 anos foi atingido com um tiro na cabeça na madrugada desta segunda-feira (13), durante uma festa em uma espaço de eventos que fica entre Marília (SP) e Vera Cruz (SP).

Segundo informações da Polícia Militar, a vítima teria se desentendido com um rapaz que estava armado. A briga aconteceu por volta das 1h30 na área externa do espaço onde a festa era realizada.

A vítima foi encaminhada ao Hospital das Clínicas (HC) de Marília com o projétil alojado no crânio e, por isso, deveria passar por cirurgia. Não foram divulgadas informações sobre o estado de saúde dele.

Com a chegada da PM no local, o suspeito dos disparos deixou cair um revólver calibre 32 da cintura, carregado com cinco cartuchos intactos e 1 deflagrado, na tentativa de escapar. Porém, os policiais alcançaram o homem próximo ao Pronto Atendimento da zona sul do município.

Aos agentes da PM, o suspeito confessou que efetuou os disparos após se desentender com o jovem. Por isso, foi preso em flagrante e encaminhado à Central de Polícia Judiciária (CPJ) e ficou à disposição da Justiça.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG).

Outro caso

Polícia Militar de Marília prende homem em flagrante por porte ilegal de revólver calibre 38  — Foto: Polícia Militar de Marília /Divulgação
Polícia Militar de Marília prende homem em flagrante por porte ilegal de revólver calibre 38 (Foto: Polícia Militar de Marília /Divulgação)

Ainda na madrugada desta segunda-feira (13), outro homem foi preso por porte ilegal e disparo de arma de fogo no mesmo espaço de eventos.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a Polícia Militar de Marília (SP) recebeu uma denúncia anônima em que o denunciante alegava ter visto e ouvido um homem atirando para cima.

Quando a PM chegou ao local, encontrou o suspeito dos disparos e mais cinco pessoas dentro de um carro. O homem tentou fugir, mas foi detido. Na abordagem, os policiais encontraram um revólver calibre 38, com 4 cartuchos sendo que 2 estavam deflagrados.https://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

O homem confessou que efetuou dois disparos para cima com o revólver. Diante disso, foi dada a voz de prisão em flagrante pelo crime de porte e disparo de arma de fogo em via pública.

Com os demais ocupantes do carro, nada foi localizado e, por isso, foram liberados.

Fonte: G1