Jovem dá à luz em pé na porta de casa no interior de SP e surpreende família: ‘Quando vi já nasceu’

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

De forma “inusitada”, Miguel Davi da Silva Pereira veio ao mundo na própria casa e não esperou chegar no hospital, o que surpreendeu toda a família. A mãe, Joyce Silva, de 21 anos, deu à luz em pé segurando na porta da sala, em Votorantim (SP).

Em entrevista, Joyce contou que buscou atendimento médico na madrugada do dia 17 de outubro, quando começou a sentir contrações. Ela chegou ao hospital às 5h e depois de quatro horas, pediram para ela voltar para casa, pois ainda estava com pouca dilatação.

Na casa, Joyce sentiu fortes contrações e a bolsa dela estourou. Quando levantou para ir ao hospital, o nascimento ocorreu mais cedo do que esperava.

“Quando eu cheguei na porta, veio uma contração bem forte e meu corpo fez força. Eu avisei minha mãe e meu esposo, que estavam me ajudando. Eu sentia que o bebê já estava ali, nascendo. Quando olharam, já estava coroado mesmo e pedi para que eles pegassem”, relata.

Davi Miguel nasceu no dia 17 de outubro, às 11h15, em Votorantim  — Foto: Arquivo Pessoal/ Joyce Silva
Davi Miguel nasceu no dia 17 de outubro, às 11h15, em Votorantim (Fotos: Arquivo Pessoal/ Joyce Silva)

Ainda segundo Joyce, a mãe dela segurou a cabeça do bebê e o pai pegou o corpo. Depois do nascimento, a família chamou o Corpo de Bombeiros para que ela fosse levada ao hospital.

Para o pai, Wesley dos Santos Pereira, de 24 anos, o momento foi de preocupação. Ainda assim, ele buscou ficar calmo e levar a experiência pelo lado positivo.

“Minha preocupação foi não transparecer para ela que eu estava nervoso. Eu fiquei cego. Eu estava gritando ‘vem Miguel’. Eu falei para ela fazer força que eu segurava”, conta Wesley.

‘Um susto e tanto’

Segundo a mãe, o bebê nasceu às 11h15, com 3,370 quilos e 49 centímetros. A família passou dois dias no hospital e tudo ocorreu bem.

Joyce conta que Miguel Davi é o segundo filho. A Rebecca, que completou dois anos uma semana após o nascimento do irmão, teve parto por cesárea.

“Não esperava que ia ser assim em casa e tão rápido. Passaram quase duas horas que tinha voltado do hospital com pouca dilatação ainda, porém, em trabalho de parto ativo. Foi um susto e tanto”, relata.

Parto do bebê Miguel Davi ocorreu na casa da família, em Votorantim — Foto: Arquivo Pessoal/ Joyce Silva
Parto do bebê Miguel Davi ocorreu na casa da família, em Votorantim (Foto: Arquivo Pessoal/ Joyce Silva)

Joyce ainda relata que o medo foi de desmaiar antes do resgate porque não tinha se alimentado e estava cansada.

“Eu estava perdendo muito sangue e tinha que me manter firme até chegar o resgate. Até agora a gente olha para a porta e lembra, mas na hora foi mais preocupante”, lembra Joyce.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes