21 abril, 2024

Últimas:

Jovem achada morta em rio após avisar pai sobre acidente não sabia nadar

Anúncios

A jovem de 22 anos que foi achada morta no Rio Novo três dias depois de ligar para o pai e contar que tinha sofrido um acidente não sabia nadar, de acordo com a irmã da vítima.

Segundo a polícia, o corpo de Kathia Fernandes Oliveira foi encontrado na tarde desta quinta-feira (13) dentro do Rio Novo, a cerca de um quilômetro do local onde o carro dela havia sido localizado na terça (11), entre Águas de Santa Bárbara e Iaras (SP).

Anúncios

Taimara Souza contou que ainda não sabe afirmar o que aconteceu com a irmã e que tinha esperança de encontrá-la com vida. Apesar disso, ela disse que tudo indicava que Kathia estava morta, independentemente da causa.

“Agora não consigo dizer o que eu acho porque muita coisa pode ter acontecido, mas ela não sabia nadar. Há a possibilidade do carro não ter caído de vez na água, então nesse momento ela teria ligado para o meu pai”, afirma Taimara.

Anúncios

De acordo com o delegado Omar Zedan Vieira, responsável pelas investigações, as primeiras impressões apontam para morte em decorrência do acidente e afogamento. Apesar disso, a Polícia Civil aguarda o resultado do exame necroscópico para esclarecer o caso.

Na quinta (13), a Polícia Civil ouviu o rapaz de Iaras com quem Kathia iria se encontrar antes de desaparecer e também o ex-namorado dela, de Manduri. No entanto, o delegado ressaltou que eles não são considerados suspeitos.

“Pelo que a gente sabe, Kathia e o rapaz de Iaras eram amigos de trocar mensagem, não sei se ela já tinha o visto pessoalmente”, comenta a irmã.

Carro da jovem foi encontrado em rio em Águas de Santa Bárbara (SP) — Foto: Arquivo pessoal - Jaqueira News
Carro da jovem foi encontrado em rio em Águas de Santa Bárbara (SP) (Foto: Arquivo pessoal – Jaqueira News)

Kathia foi enterrada na manhã desta sexta-feira (14) no Cemitério Municipal de Óleo, onde ela morava com a avó. Taimara, que atualmente mora em Manduri com a família, contou que a jovem trabalhava como operadora de caixa em um mercado perto de casa, mas tinha o sonho de morar na Espanha.

“Ela terminou o Ensino Médio, fez curso de RH, de administração e intercâmbio para a Espanha. Ela tinha muitos planos e sempre falava que o sonho dela era morar na Espanha, que ela adorou conhecer. Também tinha o sonho de comprar uma moto, aproveitar muito a vida e ter as coisas dela”, conta.

Kathia e a irmã Taimara Souza, que mora em Manduri (SP) — Foto: Taimara Souza/Arquivo pessoal
Kathia e a irmã Taimara Souza, que mora em Manduri (SP) (Foto: Taimara Souza/Arquivo pessoal)

Agora, a família aguarda os laudos periciais e a investigação da Polícia Civil para esclarecer a morte de Kathia. Segundo a irmã, a jovem era responsável, “nunca deu trabalho” e comprou o carro aos 21 anos para ajudar a família.

“Ver o carro que Kathia batalhou tanto para comprar, daquela forma, foi muito triste. Doeu muito. […] E a gente não tem como não ter dúvidas de tudo o que aconteceu, se foi realmente acidente, mas a gente não pode afirmar nada ainda”, relata.

Fonte: G1

Últimas

Aposta do Rio de Janeiro leva prêmio de R$ 102,1 milhões da Mega-Sena

20/04/2024

Anúncios Uma aposta do Rio de Janeiro (RJ) acertou as seis dezenas do concurso 2.715 da...

Categorias