Irmãos de Bauru chefiavam quadrilha suspeita de aplicar golpes usando app de compras

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Irmãos ostentavam carros de luxo (Foto: Reprodução/TV TEM)

Dois irmãos de Bauru (SP) suspeitos de chefiar uma quadrilha de estelionatários que aplicavam golpes usando aplicativos de compras pela internet foram presos durante uma operação da Polícia Civil de Lençóis Paulista nesta quarta-feira (31). Thiago e Thalles Forte Martins ostentavam vida de luxo nas redes sociais, compravam motos e carros importados, segundo o delegado Luiz Cláudio Massa.

Em um dos carros de luxo apreendido com os irmãos foram localizados R$ 7 mil. “O Tiago não soube explicar a origem, por isso ele está sendo autuado em flagrante por lavagem de dinheiro. Para impressionar a venda, eles usavam os veículos próprios como Jaguar, BMW conversível, para dar uma credibilidade para a venda.”, diz o delegado.

O grupo é suspeito de aplicar golpes usando aplicativos de compra pela internet e estão sendo investigados há pelo menos três meses. Eles vendiam produtos eletrônicos, mas – depois do pagamento efetuado – não enviavam aos compradores.

“Através de escutas telefônicas, quebra de IP de computador, através das redes sociais, nós conseguimos formar o vínculo da quadrilha e estabelecer que a liderança era dos dois irmãos de Bauru, em Lençóis havia duas pessoas que faziam a captação dos que cediam as contas e depois eram os que cediam as contas ou por uma remuneração fixa ou por uma porcentagem dos ganhos”, diz o delegado.

Outras 11 pessoas foram presas e encaminhadas para presídios da região. Mais 15 mandados de prisão coercitiva foram cumpridos e os suspeitos prestaram depoimento e foram liberados.

Algumas pessoas, os laranjas, são suspeitas de ceder os dados bancários. Eles não tinham passagens pela polícia ou problema com a Justiça, tudo para não levantar suspeitas. A polícia interceptou uma conversa de WhatsApp em que um dos estelionatários diz a um dos laranjas o que ele deve fazer caso seja pego pela polícia.

Estelionatário: O que você faz, você perdeu o cartão e seu cartão ficava com a senha, entendeu? Quando você deu conta que perdeu cartão, você foi lá e bloqueou. Agora se fizeram alguma coisa ai doutor, eu não sei.

A Polícia Civil acredita que existam mais de 300 vítimas do grupo e a suspeita é que eles tenham arrecadado pelo menos R$ 150 mil com esse golpe.

Operação da Polícia em Lençóis Paulista também apreendeu um jaguar com um dos suspeitos. No porta-luvas tinha a quantia de R$ 7 mil (Foto: Alan Schneider/TV TEM)
Operação da Polícia em Lençóis Paulista também apreendeu um jaguar com um dos suspeitos. No porta-luvas tinha a quantia de R$ 7 mil (Foto: Alan Schneider/TV TEM)

Operação

A operação da Polícia Civil de Lençóis Paulista (SP) foi realizada nesta quarta-feira (31) para prender uma quadrilha de estelionatários. Ao todo, 28 mandados seriam cumpridos durante a operação, sendo 13 de prisão temporária e 15 de condução coercitiva, que é quando os suspeitos são levados até a delegacia para prestar depoimento.

Os trabalhos de aproximadamente 80 policiais civis começaram por volta das 5h. Até agora, 26 pessoas já foram levadas para a delegacia de Lençóis Paulista. Dois deles foram presos em Bauru.

De acordo com o delegado da Polícia Civil, Luiz Cláudio Massa, a quadrilha anunciava a venda de celulares, vídeo games, notebooks e outros aparelhos eletrônicos pela internet. Para efetuar a compra, eles usavam os chamados laranjas, pessoas contratadas pela quadrilha para passar o número da conta bancária, mas que, segundo a polícia, não teriam nenhum envolvimento efetivo com a organização criminosa.

Os compradores depositavam o dinheiro, mas nunca recebiam os produtos. Ainda de acordo com a Polícia Civil, existem pelo menos 80 boletins de ocorrências registrados por vítimas desta quadrilha, que são de pessoas, principalmente, do Estado de São Paulo, mas também há de outros estados.

Cerca de 80 policiais civis participam das ações da operação em Lençóis Paulista (Foto: TV TEM/Reprodução)
Cerca de 80 policiais civis participam das ações da operação em Lençóis Paulista (Foto: TV TEM/Reprodução)
No começo da manhã, Polícia já havia conseguido prender os supostos líderes da quadrilha (Foto: Alan Schneider/TV TEM)
No começo da manhã, Polícia já havia conseguido prender os supostos líderes da quadrilha (Foto: Alan Schneider/TV TEM)

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes