Indústria paulista fecha 152 mil vagas de trabalho em 2016

O emprego na indústria paulista recuou 6,58% no ano passado, com o fechamento de 152,5 mil postos de trabalho, informou nesta quinta-feira (19) a Pesquisa de Nível de Emprego do Estado de São Paulo, feita em conjunto pela Fiesp e Ciesp.

No mês de dezembro, o emprego na indústria paulista caiu 1,62% (sem ajuste sazonal) nos postos de trabalho da indústria paulista, o que resultou no fechamento de 35,5 mil vagas. Desde 2011, a indústria do estado de São Paulo acumula um saldo negativo de 609 mil vagas de trabalho, sendo 518 mil baixas registradas entre 2014 e 2016.

Regiões

Apenas duas das regiões acompanhadas pela pesquisa apresentaram variação positiva para os postos de trabalho. O estado de São Paulo registrou queda de 6,58%; a Grande São Paulo, recuo de 7,39% e, o interior do estado, baixa de 6,20%.

Segundo o levantamento, o resultado foi positivo para a cidade de São Carlos (+2,20%), influenciado por produtos de borracha e plástico (66,07%) e produtos diversos (9,63%), e Marília (+2,13%), no rastro dos produtos alimentícios (10,82%) e dos de borracha e plástico (6,37%).

Já as variações negativas ficaram com Cubatão (-33,09%), influenciadas pelo setor de metalurgia (-54,94%) e produtos de metal (-14,93%); Santa Bárbara d’Oeste (-14,18%), por produtos alimentícios (-34,89%) e produtos de metal (-30,12%) e Santo André (-13,33%), por produtos alimentícios (-65,26%) e borracha e plástico (-35,86%).

Fonte: G1