Garis montam biblioteca com livros que iriam para o lixo

Em Ancara, na capital da Turquia, os profissionais de limpeza urbana tiveram uma iniciativa incrível. Ao perceberem que muitos livros estavam sendo descartados pela população, decidiram se unir para uma operação de coleta e armazenamento e abrir uma biblioteca comunitária.

A história começou com Serhat, de 32 anos, que sempre sonhou em ter uma biblioteca e decidiu juntar os livros que encontrava no lixo. Aos poucos, seus colegas se uniram a ele e em 7 meses conseguiram uma quantidade de livros suficiente para que os colegas do serviço de limpeza tivessem uma boa biblioteca.

Mas, os garis continuaram a recolher livros descartados pela população e a biblioteca foi crescendo cada vez mais. Com isso, surgiu a ideia de abrir uma biblioteca comunitária, para que mais pessoas tivessem acesso ao acervo. A princípio a biblioteca seria apenas para os profissionais de limpeza, amigos e família, mas o grupo de colegas decidiu procurar a prefeitura e levar os livros para um local acessível para toda a comunidade.

A prefeitura apoiou a iniciativa e e adaptou uma antiga olaria que estava fechada há mais de vinte anos. Com a divulgação do trabalho dos garis, dezenas de pessoas passaram a doar mais livros e outras publicações, como catálogos e revistas.

A biblioteca foi inaugurada no bairro de Çsankaya, com um incrível acervo de mais de 6 mil títulos, catalogados com seções infantis, livros de pesquisa científica e até publicações em muitos em outros idiomas como inglês e francês. Para completar, a biblioteca ganhou um espaço de leitura, espaço zona infantil, espaços para jogos de tabuleiro e uma cafetaria.

A iniciativa dos profissionais de limpeza rendeu à cidade um novo espaço cultural e o acesso à milhares de livros. As publicações podem ser lidas na própria biblioteca ou por programas de empréstimos especiais para estudantes, ONGs e outras instituições.

Fonte: Ciclo Vivo

Scroll Up