Foto antiga de Ana Hickmann é usada para provocar Estado Islâmico

Ana Hickmann foi transformada em piloto de caça russa por usuários das redes sociais no mundo todo. Uma foto da apresentadora – feita em  2005, quando ela foi escolhida madrinha da turma de cadetes da Academia da Força Aérea Brasileira – circulou pela internet como se ela fosse a “capitã Balislava”, piloto russa que estaria bombardeando instalações do Estado Islâmico na Síria.

De acordo com a falsa história, que foi parar até no jornal francês “Le Monde”, a bela piloto teria sido escolhida como uma resposta ao tratamento opressor que o Estado Islâmico dispensa às mulheres. Vale lembrar que o grupo Estado Islâmico – organização jihadista que tem levado terror ao Oriente Médio – realmente vem sendo alvo constante da Força Aérea russa, o que ajuda a dar veracidade ao hoax com a foto de Ana Hickmann.

Essa não é a primeira vez que a mesma foto de Ana Hickmann faz com que ela seja confundida com uma militar de verdade. Em 2010, a imagem foi usada pela agência oficial chinesa Xinhua, que colocou a apresentadora brasileira em uma lista de militares mais bonitas do mundo.

Fonte: Yahoo!

Scroll Up