01 março, 2024

Últimas:

Família causa polêmica ao fazer tapete com pele de cachorro que morreu

Anúncios

Uma família australiana de luto decidiu preservar a essência de seu cachorro falecido, transformando-o em um tapete — e isso gerou um debate acalorado na internet. Uma empresa de taxidermia foi contratada pelos tutores para criar a lembrança de seu golden retriever.

Dona do negócio, Madeleine disse que a preservação de pets ainda é uma coisa nova para a maioria das pessoas e compartilhou um vídeo no Instagram da empresa, no último dia 25, do cachorro conservado acompanhado da seguinte legenda:

Anúncios

“Lindo e velho golden retriever preservado como pele para sua família. Finalmente pronto para ir para casa.”

Em seguida, o perfil recebeu uma série de comentários, alguns elogiando e outros criticando a prática. Uma pessoa escreveu: “Super fofos, pets nunca vistos preservados como peles antes :)”. “Estou tão feliz que mais pessoas estão fazendo isso agora”, acrescentou outro.

Anúncios

Um usuário disse que não era contra a ideia, mas que poderia ter dificuldade em ver seu pet após a morte. Algumas pessoas ainda julgaram os tutores: “Isso é horrível! Eu não consigo imaginar alguém querendo seu cachorro esfolado”, comentaram.

Família manda preservar pelo de falecido golden retriever (Foto: Instagram/ @chimerataxidermy/ Reprodução)

Em uma entrevista ao Yahoo! News Australia, Madeleine explicou que o conceito de preservação de peles só recentemente se tornou popular e que normalmente realiza montagens em tamanho real. E não são só cães, gatos, cachorros, coelhos, ratos, porquinhos-da-índia e cabras também já foram taxidermizados por ela. Em sua empresa, os clientes também podem solicitar preservação de patas e até corações.

Fonte: Casa e Jardim

Últimas

Líderes do mercado de bem-estar unem forças: The DRIPBaR reforçado pela REVIV

01/03/2024

Anúncios The DRIPBaR, reconhecida como a franquia de terapia intravenosa de crescimento mais rápido nos Estados...

Categorias