24 de julho, 2024

Últimas:

EUA se dizem prontos para trabalhar com Xi mas veem China ‘mais agressiva’

Anúncios

Os Estados Unidos disseram nesta segunda-feira que o presidente chinês, Xi Jinping, estava conduzindo seu país em uma direção “mais agressiva”, mas renovaram seu interesse em cooperar com o gigante asiático em interesses compartilhados enquanto seu líder se prepara para um terceiro mandato histórico.

Xi deve ser ratificado dentro de uma semana como secretário-geral do Partido Comunista da China (PCC) (um prelúdio da sua reeleição como presidente chinês, no ano que vem) e se consolidar como líder mais poderoso desde Mao Tsé-Tung.

Anúncios

“Vimos surgir uma China muito diferente nos últimos anos sob a liderança de Xi Jinping”, disse o chefe da diplomacia americana, Antony Blinken. “É mais repressiva em casa, mais agressiva no exterior. Em muitos casos, isso representa um desafio aos nossos próprios interesses, assim como aos nossos próprios valores”, afirmou, durante um fórum na Universidade de Stanford.

Segundo Blinken, o mundo “espera fundamentalmente” que as duas potências trabalhem juntas nas mudanças climáticas, na saúde mundial e no tráfico de drogas. “Sabemos que não poderemos lidar com o clima como deveríamos se a China não fizer parte da discussão. Pequim apenas tem que responder aos sinais que recebe de países de todo o mundo para ser um participante positivo nos temas que os preocupam. Os problemas globais são muito mais difíceis de resolver se os Estados Unidos e a China não estiverem realmente comprometidos.”

Anúncios

Espera-se que Biden se reúna com Xi paralelamente à reunião de cúpula do G20 que acontecerá no mês que vem em Bali, no que será a primeira reunião entre os dois desde que eles se tornaram os principais líderes de seus respectivos países.

Fonte: Yahoo!

Talvez te interesse

Últimas

Anúncios Na tarde da segunda-feira (22), a Polícia Militar registrou uma ocorrência inusitada na área central de Botucatu, na Rua...

Categorias