Outubro Rosa: prevenção e informação em nome da saúde da mulher

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O mês de outubro se inicia e com ele uma grande campanha de conscientização de saúde também. O mundialmente celebrado OUTUBRO ROSA visa chamar a atenção da população, principalmente das mulheres, sobre os fatores de risco e proteção e das medidas de detecção precoce relacionadas ao câncer de mama. Laços cor de rosa e monumentos iluminados no tom vão endossar a importância do movimento durante os próximos dias.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), 25% DOS NOVOS CASOS de câncer a cada ano correspondem ao de mama, sendo o segundo que mais atinge as MULHERES NO BRASIL E NO MUNDO, ficando atrás apenas do de pele.

Em 2013, no Brasil, 14.388 PESSOAS morreram em decorrência da doença. Entre elas estavam 14.207 mulheres, o que demonstra a prevalência da patologia no sexo feminino. A taxa de mortalidade é elevada porque, na maioria das vezes, o diagnóstico é feito tardiamente.

Foto: Alliance/iStock

PREVENÇÃO

A multiplicidade de fatores relacionados ao surgimento do câncer de mama dificulta a prevenção. Segundo o INCA, com uma boa alimentação, prática regular de atividades físicas, controle do peso, é possível REDUZIR EM ATÉ 28% O RISCO de a mulher desenvolvê-lo. Além disso, a amamentação também é considerada um meio de proteção.

No Brasil, a MAMOGRAFIA E OS EXAMES CLÍNICOS são métodos de rastreamento da doença na rotina de saúde da mulher. A prevenção, contudo, vai além deste exame. Observar e conhecer suas mamas são AÇÕES ESSENCIAIS para que você fique alerta às mudanças habituais e aos primeiros sinais da doença: diferentemente do que era preconizado até o final da década de 1980, NÃO EXISTE UMA TÉCNICA ESPECÍFICA PARA O AUTOEXAME. É recomendado fazer a apalpação das mamas QUANDO VOCÊ SE SENTIR À VONTADE, durante o banho ou mesmo uma troca casual de roupas. Essa nova recomendação se deu pelo fato de 65% das mulheres com câncer de mama terem descoberto a doença ocasionalmente.

Portanto, fique atenta. A qualquer sinal diferente, desconfiança e dúvidas PROCURE UM MÉDICO. É ele quem tem as ferramentas e conhecimentos necessários para te dar um diagnóstico preciso. Enfrente o medo, pois quanto antes você tiver certeza do que está se passando, maiores serão as chances de vencer o câncer de mama.

Fonte: Daquidali

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes