Santos vence Chapecoense na Vila Belmiro

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O Santos venceu a Chapecoense por 2 a 0 na noite deste domingo, na Vila Belmiro, em jogo válido pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

O Peixe ganhou sem fazer força. Marcou no início de cada tempo e ditou o ritmo. Os gols foram de Lucas Veríssimo e Evandro.

Os três pontos levam o Alvinegro aos 71, igualando a melhor campanha da história dos pontos corridos com 20 clubes (em 2016). Além disso, os santistas abrem três de diferença para o Palmeiras na briga pela vice-liderança. A Chapecoense, rebaixada, segue em 19º.

O Santos volta a campo para enfrentar o Athletico-PR, quarta-feira, na Arena da Baixada. A Chapecoense recebe o CSA no mesmo dia.

O JOGO

Vice-líder, o Santos ditou o ritmo contra a rebaixada Chapecoense desde o primeiro minuto. E o gol não demorou a sair. Evandro fez jogada individual e cruzou para Lucas Veríssimo abrir o placar aos sete jogados.

A vantagem fez o Peixe desacelerar. A equipe não sofreu maiores sustos, mas deixou de atacar como poderia, com certa “preguiça”.

Mesmo assim, Marinho (de fora da área) e Eduardo Sasha (após tabela com Carlos Sánchez) e ficaram perto de ampliar na Vila Belmiro.

SEGUNDO TEMPO

O cenário da etapa inicial se repetiu. O Santos começou em cima e fez o segundo logo aos quatro minutos. Carlos Sánchez inverteu, Marinho chutou cruzado e Evandro desviou para marcar seu primeiro gol pelo Peixe.

O Alvinegro administrou o resultado e só teve uma chance clara, em falta perigosa batida por Sánchez. A Chape tentou, porém, esbarrou na falta de qualidade técnica. 2 a 0 tranquilo na Vila.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 2 X 0 CHAPECOENSE

Data: 1 de dezembro (2019)
Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Auxiliares: Clovis Amaral da Silva (PE) e Jucimas dos Santos Dias (BA)
VAR: Newton dos Reis Barreira (SP)
Público e renda: 6961/R$ 200.690,00

Cartões amarelos: SANTOS: Marinho e Alison. CHAPECOENSE: Dalberto

GOLS
Santos: Lucas Veríssimo, aos 7 minutos do 1T; Marinho, aos 4 minutos do 2T.

SANTOS: Everson, Pará, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Felipe Jonatan; Alison, Carlos Sánchez e Evandro (Diego Pituca); Marinho, Tailson (Derlis González) e Eduardo Sasha (Kaio Jorge)
Técnico: Jorge Sampaoli

CHAPECOENSE: João Ricardo, Eduardo, Douglas, Hiago (Maurício Ramos) e Roberto; Amaral, Márcio Araújo, Elicarlos (Gustavo Campanharo) e Camilo; Arthur Gomes e Renato (Dalberto)
Técnico: Marquinhos Santos

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes