Paulo Nobre confirma jogo da Libertadores na arena do Palmeiras

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O presidente Paulo Nobre confirmou a arena do Palmeiras como palco da estreia do Verdão como mandante na Taça Libertadores da América. Mesmo com a controvérsia por causa do regulamento da competição sobre a exposição de marcas no estádio, o dirigente garantiu o local pronto para receber o duelo contra o Rosario Central, da Argentina, no dia 3 de março.

– O jogo já está confirmado no Allianz Parque. É claro que temos alguns problemas a serem superados, principalmente nisso que surgiu entre a Conmebol e a parceira do Palmeiras, mas com certeza serão resolvidos. O Palmeiras vai fazer um grande jogo, como normalmente tem feito, nos grandes jogos no Allianz – disse o dirigente, em entrevista à Rádio Bandeirantes, nesta segunda-feira.

Na semana passada, a Confederação Sul-Americana de Futebol afirmou ao GloboEsporte.com que publicidade nos estádios durante jogos da Libertadores não está proibida, desde que não apareça na transmissão de televisão – a Conmebol exige exclusividade para seus parceiros. A WTorre, que administra o estádio palmeirense, afirmou que não tem a intenção de cobrir ou retirar as placas da Allianz – seguradora que detém os naming rights do complexo. Por isso, clube ainda discute como será a exposição (total ou parcial) dos patrocinadores da arena nas partidas do Palmeiras como mandante no torneio continental.

Na última quarta-feira, o Grêmio estreou na competição com derrota para o Toluca, no México. O estádio Nemésio Diez, porém, mostrava placas de publicidade não relacionadas ao torneio, o que acabou virando uma brecha a favor dos palmeirenses.

– Regras existem para serem cumpridas. Às vezes, você precisa avaliar as regras para ver se elas são condizentes ou se não acabam sendo leoninas. Isso é uma outra discussão. Tem de ter isonomia. O Palmeiras não pode ter uma condição diferente. Diante disso que estamos levantando essa discussão. Não estamos querendo bater de frente com a Conmebol. Simplesmente, queremos as mesmas regras para todos, e que essas regras sejam condizentes com todos os clubes que tanto se esforçam para arrumar patrocinadores – disse o dirigente.

Além do duelo contra o Rosario Central, da Argentina, que será disputado no dia 3 de março, às 21h45 (horário de Brasília), o Palmeiras enfrenta o Nacional, do Uruguai, no dia 9 de março, e também o River Plate, do Uruguai, no dia 14 de abril, pela fase de grupos da Libertadores.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes