‘Gaúcho da Copa’ morre aos 60 anos vítima de câncer em Porto Alegre

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Torcedor símbolo do Brasil em Copas do Mundo, Clóvis Acosta Fernandes morreu nesta quarta-feira (16) aos 60 anos em Porto Alegre. Conhecido como Gaúcho da Copa, Clóvis lutava contra um câncer há nove anos. A morte foi confirmada pelo Hospital Santa Casa.

Ele se tornou torcedor símbolo após seguir a Seleção Brasileira em sete mundiais, desde a Copa do Mundo realizada na Itália, em 1990. Clóvis também acompanhava a equipe brasileira de futebol em Copas Américas, das Confederações e Olimpíadas. Ele percorreu mais de 60 países e assistiu a mais de 150 partidas da seleção.

Em 2014, em sua última Copa, Clovis tirou fotos até com as mulheres dos alemães Götze e Schürrle antes da decisão do Mundial, entre Alemanha e Argentina. Gremista fanático, tinha como desejo que parte de suas cinzas fossem jogadas na Arena tricolor e em algum jogo do Brasil.

“Ele escolheu morrer um dia após o aniversário do Grêmio e na Semana Farroupilha. Ele era gremista fanático”, disse o filho Frank Damasceno Fernandes, em entrevista à Rádio Gaúcha.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes