Cuca projeta mudanças no São Paulo durante a Copa América

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O técnico Cuca afirmou nesta sexta-feira, durante entrevista no CT da Barra Funda, que o elenco do São Paulo deve passar por mudanças na parada do Campeonato Brasileiro para a Copa América. A competição de seleções vai ser realizada de 14 de junho a 7 de julho.

A diretoria do Tricolor vai aproveitar esse período para tentar contratar reforços para lateral direita e ataque, além de analisar possíveis saídas.

Marquinhos Calazans, do Fluminense, tem negociação mais avançada e há otimismo pela contratação. Se houver acordo com o Flu, ele poderá ser liberado antes do fim do contrato, em dezembro. Caso contrário, o São Paulo pode assinar um pré-contrato a partir do fim de junho e esperar o término do vínculo para ter o atleta de 22 anos.

– O que eu penso: Leco (presidente), Raí (diretor), Mancini (coordenador) e Pássaro (gerente) temos o mesmo interesse. Não quero ganhar para mim, nem Raí, nem Pássaro. Queremos fortalecer o São Paulo. Temos o mesmo pensamento. Culpa vamos dividir, lógico, com maior pedaço para mim. Montagem não passa por vários, mas tem de ter alguém que você confie. Não sou o dono da verdade. Ouço e falo com todos, mas a montagem passa por você. Estamos fazendo essa remontagem. Tem essa parada em que muitas coisas podem acontecer – disse Cuca.

Marquinhos Calazans, do Fluminense, tem negociação com o São Paulo — Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC
Marquinhos Calazans, do Fluminense, tem negociação com o São Paulo (Fotos: Divulgação)

Pouco usados por Cuca, Bruno Peres, Jucilei e Nenê poderão sair no segundo semestre. Entre o trio, o camisa 10 é quem mais tem sido elogiado pelo desempenho e dedicação nos treinamentos no CT da Barra Funda. Além da questão técnica, o clube também precisa diminuir gastos com a folha salarial para readequar seu orçamento.

– Temos um elenco grande com 35 jogadores. Alguns podem sair, a vinda de uma ou duas peças. Temos carências que vocês sabem. Mas o principal é evoluir. Não posso falar que São Paulo é favorito. Tem Palmeiras, Flamengo, Cruzeiro, Grêmio, Corinthians e Santos, que se não estão na frente estão iguais. Não quero ter esse peso de obrigação de ser primeiro, mas temos de ter essa ambição. O que estamos fazendo desde a eliminação da Libertadores é formar um time jovem, com variações – completou o treinador.

Em relação ao atual elenco, Cuca sabe que o presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, não quer negociar os destaques de Cotia nesta próxima janela internacional de transferências. Antony, Liziero, Luan e Igor Gomes são alguns dos jogadores. O técnico, no entanto, trata o assunto com cautela.

– Recebi (a notícia). Mas futebol não podemos cravar. Eu se fosse presidente falaria também que os jovens não vão sair. E amanhã vem 40 ou 50 milhões de euros e iria roer a corda. Se for algo extraordinário, a venda vai acontecer. Do contrário, não, como Leco e Raí passaram – disse Cuca.

Além do quarteto citado acima, o mesmo vale para Walce e Morato, zagueiros lançados por Cuca. Walce foi titular nos dois últimos jogos, e Morato acabou de ser promovido. O clube também não pretende vender Toró, outra aposta de Cuca.

– Não seria hoje que dá tranquilidade. O que melhora tudo é o tempo, saber como o companheiro gosta de receber uma bola. Eles têm da base alguma coisa em relação a isso. Imagina se em três anos mantém uma espinha, sonhando aqui… o Ajax lá tem três anos. Não aconteceu em seis meses, aconteceu em dois, três ou quatro anos. Se consegue perder o mínimo possível, o Cuca sai, sai um monte, mas os jogadores tem que ficar, para ter a família São Paulo. Os caras identificados com o clube. É isso que está faltando.

Para segurar os garotos, o São Paulo terá de ganhar dinheiro na janela e espera conseguir com David Neres, Lucas Perri e Arboleda:

  • uma possível venda de David Neres, do Ajax, para outro clube, renderá ao Tricolor 20% da negociação, sem contar o mecanismo de solidariedade, pago em negociações internacionais.
  • a compra de Lucas Perri por parte do Crystal Palace, da Inglaterra, por 4,5 milhões de euros (cerca de R$ 20,3 milhões).
  • a negociação de Arboleda para o exterior. Atlético de Madrid e clubes da Inglaterra estão interessados. O zagueiro é neste momento o jogador do elenco com maior possibilidade de ser vendido pelo São Paulo na janela. Nos bastidores, o Tricolor admite que deve vender o defensor e vai analisar eventuais propostas.
São Paulo não quer vender Antony e só admite saída pela multa de 50 milhões de euros (R$ 225 milhões) — Foto: Érico Leonan / saopaulofc.net
São Paulo não quer vender Antony e só admite saída pela multa de 50 milhões de euros (R$ 225 milhões) (Foto: Divulgação)

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes