Brasil recebe República Dominicana pelas Eliminatórias do Mundial de basquete

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Chegou a hora de torcer pela Seleção Brasileira entrar em quadra. Na noite desta sexta-feira (30/11), o selecionado verde-amarelo receberá a República Dominicana, no Ginásio Wlamir Marques, em São Paulo (SP), às 19h15, pela segunda fase das Eliminatórias para Copa do Mundo de 2019.

Já na segunda-feira (03/12), o Brasil voltará à ação para enfrentar o líder de seu grupo, Canadá, também no Ginásio Wlamir Marques, às 20 horas. Essas partidas definirão a classificação da Seleção ao Mundial da China. “Vejo o Brasil num momento importante, com dois jogos decisivos que precisamos ganhar para garantir a classificação ao Mundial. Não jogo pela Seleção desde as Olimpíadas e é sempre bom estar defendendo as cores do meu país. Quero fazer o possível para ajudar da melhor forma a Seleção. Acho que voltei na hora certa”, declarou Marquinhos.

“Com certeza serão dois jogos complicados e muito difíceis, mas acho que o Brasil tem condições de vencer os dois. Não só pelo fato de estarmos jogando em casa, mas pelos jogadores experientes que temos no nosso grupo”, completou o camisa 11 do Flamengo, que não havia sido convocado desde a chegada de Petrovic.

No momento, os comandados do técnico Aleksandar Petrovic estão na terceira colocação do Grupo F da segunda fase, com seis vitórias em oito jogos. Os primeiros colocados são Canadá e Venezuela, ambos com sete triunfos e somente uma derrota.

A segunda fase da competição conta com dois grupos de seis equipes, sendo que os três primeiros de cada lado avançam ao Mundial de 2019, assim como o melhor quarto colocado entre os dois.

O Brasil está no Grupo F ao lado de Canadá, Venezuela, República Dominicana e Chile – Ilhas Virgens foi desclassificada devido ao W.O contra o Brasil. Do outro lado, no Grupo E, estão Estados Unidos, Argentina, Porto Rico, Uruguai, México e Panamá.

Para os duelos finais contra República Dominicana e Canadá, o técnico Aleksandar Petrovic sofreu com algumas ausências importantes, como os armadores Marcelinho Huertas (não liberado pelo Baskonia-ESP), Yago e Ricardo Fischer, ambos lesionados antes da convocação, além do pivô Lucas Bebê, que veio ao Brasil, mas acabou se lesionando.

Com a ausência do trio de armadores foram convocados Scott Machado (South Bay Lakers, da G-League), Arthur Pecos (Mogi das Cruzes/Helbor) e Rafa Luz (Morabanc Andorra-ESP). Já para o lugar de Bebê, o substituto foi Du Sommer (Paulistano/Corpore), que fará sua estreia pela Seleção.

Os demais convocados foram os alas Marquinhos (Flamengo), Vitor Benite (Cedevita Zagred-CRO), Didi (Sesi Franca), Léo Meindl (Paulistano/Corpore) e Leandrinho Barbosa, e os pivôs Anderson Varejão e Rafael Mineiro (Flamengo), Lucas Dias (Sesi Franca) e Augusto Lima (Cedevita Zagred-CRO).

 

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes