Brasil estreia com vitória sobre o Uruguai, nas Eliminatórias da Copa América Masculina de Basquete

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Instável e no sufoco, a seleção brasileira masculina de basquete estreou com uma vitória sobre o Uruguai, por 83 a 72, nas Eliminatórias da Copa América. O cestinha da partida realizada em São José dos Pinhais, no Paraná, foi o uruguaio Bruno Fitipaldo, com 19 anos.

Após começar arrasador no primeiro quarto, com uma defesa sólida, o Brasil chegou a liderar o placar por 15 a 3. Mas, passado o susto, os uruguaios se organizaram e capitaneados por Parodi, que marcou 16 pontos, terminaram com a vitória parcial por 23 a 22.

O segundo quarto foi idêntico ao primeiro, com a diferença de que o Brasil, em momento algum, conseguiu mostrar o bom basquetebol do início da partida, mas pelo menos teve o mérito de terminar o primeiro tempo na frente: 38 a 37.

Um dos grandes problemas para os brasileiros no primeiro tempo foi o aproveitamento dos arremessos de três pontos. Enquanto na etapa inicial teve 30% de aproveitamento (6 certos de 20 tentados), os uruguaios terminaram com 57% (9 acertos de 16 tentados).

O intervalo da partida fez bem para o Brasil que voltou melhor para o segundo tempo. A defesa encontrou um bom posicionamento e a transição para a conclusão das jogadas no ataque passaram a ser mais eficientes. Com o desempenho, os brasileiros abriram vantagem e venceram por 66 a 55.

No últiimo quarto, a seleção voltou a oscilar em quardra. A vantagem que era de dez pontos chegou a cair para cinco. Mas, no fim, o Brasil se organizou e venceu por 83 a 72.

Brasil e Uruguai voltam a se enfrentar na segunda-feira, em Montevidéu. Ambas as seleções estão no Grupo B da competição, que ainda tem o Paraguai e o Panamá.

Participam das Eliminatórias da Copa América um total de 16 seleções, divididas por quatro grupos. As três melhores de cada um se classificam para a disputa da competição, que vale vaga para os Jogos Pan-Americanos Chile 2023. Além dos jogos em fevereiro, a equipe volta a atuar no Brasil em novembro contra Panamá e Paraguai. E os duelos fora de casa ocorrerão em fevereiro de 2021.

Mascote

A Confederação Brasileira de Basquete (CBB) apresentou a nova mascote do entidade. A arara azul passa a representar o basquete brasileiro, que recebeu por nome: Cestinha.

CBB lança a mascote "Cestinha", durante a partida entre a seleção masculina de basquete e o Uruguai, pelas Eliminatórias da Copa América, em Curitiba — Foto: CBB/Divulgação
CBB lança a mascote “Cestinha”, durante a partida entre a seleção masculina de basquete e o Uruguai, pelas Eliminatórias da Copa América, em Curitiba (Foto: CBB/Divulgação)

Fonte: G1Foto: Thierry Gozzer/CBB

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes