Brasil e Argentina fazem clássico sul-americano na Arábia Saudita

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Após vencer a Arábia Saudita sem mostrar um grande futebol, a Seleção Brasileira terá pela frente a Argentina, nesta terça-feira, em Jedá. Enquanto os brasileiros contam com seus principais jogadores, os hermanos vão para o confronto sem seus principais atletas, como os atacantes Messi e Aguero.

Pelo lado brasileiro, o técnico Tite tem feito mistério quanto a escalação, mas em entrevista a CBF TV, o volante Arthur deixou escapar que provavelmente será titular no clássico sul-americano. “Fico feliz pela oportunidade, acho que essa questão de entrosamento nós pegamos pouco a pouco nos treinos”, disse.

Arthur exaltou poder estar em campo no principal duelo entre seleções. O volante do Barcelona espera que a Seleção possa ter boa atuação diante dos argentinos.

“Todo jogador gosta de estádio lotado, de grandes jogos e adversários. Contra a Argentina com certeza será assim, com muitos jogadores de qualidade do outro lado. É um dos maiores clássicos mundiais, o jogador se prepara para esses grandes jogos”, declarou.

Em termos de escalação, Tite deve fazer algumas alterações. Além de Arthur, outros titulares como os laterais Danilo e Filipe Luís, o goleiro Alisson, o zagueiro Miranda e o atacante Roberto Firmino podem iniciar a partida. O treinador descartou o clima de amistoso contra os hermanos.

“Brasil e Argentina não é amistoso nunca. O jogo tem uma característica de rivalidade, mas não pode transcender. A competitividade leal vai acontecer, o peso das camisas vai acontecer. São duas equipes que estão se reformulando, mas a Argentina seguramente não vai abrir mão de seus principais atletas, tão pouco nós”, afirmou.

Na Argentina, o técnico Lionel Scaloni vem tendo que reformular a equipe sem poder contar com alguns de seus principais jogadores. Os atacantes Messi e Aguero pediram dispensa da seleção até o fim do ano. Com isso, vários atletas têm tido chance de mostrar serviço, como o zagueiro Kannemann, do Grêmio, que atuou na vitória contra o Iraque.

Para esta partida, Scaloni indicou algumas mudanças do time. O atacante Dybala, o zagueiro Kannemann, os volantes Meza e Ascacíbar devem dar lugar a Salvio, Pezzella, Paredes e Battaglia, respectivamente.

FICHA TÉCNICA – BRASIL X ARGENTINA

Local: estádio King Abdullah, em Jedá (Arábia Saudita)

Data: 16 de outubro, terça-feira

Hora: 15h (de Brasília)

Árbitro: Felix Brych (ALE)

Assistentes: Mark Borsch (ALE) e Stefan Lupp (ALE)

BRASIL: Alisson, Danilo, Marquinhos, Miranda e Filipe Luís; Casemiro; Arthur, Renato Augusto, Coutinho e Neymar; Firmino

Técnico: Tite

ARGENTINA:  Romero, Saravia, Pezzella, Otamendi e Tagliafico; Paredes, Battaglia e Lo Celso; Salvio, Icardi e Angel Correa

Técnico: Lionel Scaloni

 

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes