Brasil bate Paraguai, vai à semifinal da Copa América e carimba vaga no Pré-Olímpico

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

As brasileiras demoraram um quarto inteiro para acordar. Mas, depois, venceram com facilidade as paraguaias na Copa América de basquete, por 101 a 59. Com a vitória, o Brasil está classificado para as semifinais da competição realizada em San Juan, em Porto Rico, e também garantiu lugar no Pré-Olímpico das Américas.

O time comandado pelo técnico José Neto começou o jogo com Isabela Ramona, Patty, Clarissa, Damiris e Alana. E fez o que se esperava contra um adversário que entrou em quadra com um saldo negativo de 122 pontos após três partidas (três derrotas) na Copa América. O Brasil venceu seu terceiro jogo consecutivo e decide a primeira colocação do grupo nesta quinta-feira, às 16h, contra os Estados Unidos. Canadá e Cuba lideram o outro grupo. O Paraguai já está eliminado.

A Copa América em Porto Rico classifica os oito primeiros colocados entre dez seleções para o Torneio Pré-Olímpico das Américas, que acontece em novembro, ainda sem local definido. Então, neste torneio pré-olímpico, as quatro melhores têm vaga no Pré-Olímpico Mundial, que classifica para Tóquio 2020. Estados Unidos, atual campeão mundial, e Japão, por ser país sede, já estão garantidos na Olimpíada.

O JOGO

Depois de 4 minutos de jogo, Paola Ferrari fez os dois primeiros pontos para as paraguaias. O Brasil já vencia por 14 a 0. Em seguida, ela mesma fez uma cesta de três. Nada, mas nada mesmo indicava que o jogo tivesse qualquer equilíbrio até aquele momento. Mas a desatenção brasileira aliada a quatro cestas de três das paraguaias fizeram o primeiro quarto terminar em inacreditáveis 22 a 20. Para o Brasil, ao menos. E logo na primeira bola do segundo quarto: 22 a 22. Aquele segundo período começava com Paola Ferrai como cestinha, com dez pontos.

Testando novas formações, o técnico José Neto rodou mais o time e, a partir daquele início irreal, o Brasil melhorou a defesa. Enfim, começava a abrir a distância no placar que se esperava: 50 a 33 no fim do primeiro tempo. Após o intervalo, outra surpresa. O Paraguai venceu o terceiro quarto por 20 a 19. Novamente com grande atuação de Paola Ferrari. Pelo Brasil, o destaque brasileiro ao fim da partida foi a pivô Damiris, com 22 pontos. Mas a cestinha acabou sendo mesmo a paraguaia Ferrari (25).

Apesar da diferença final do placar, O Brasil teve mais dificuldade do que se esperava para vencer o Paraguai. No Pan de Lima, no mês passado, por exemplo, a seleção brasileira venceu a paraguaia por 81 a 37. O Brasil acabou campeão dos Jogos. Outro comparativo: na estreia da Copa América, o Paraguai perdeu por 31 a 110 para os Estados Unidos, que o Brasil enfrenta nesta quinta. Aí não é possível relaxar ou ter apagão, pois as rivais (mesmo sem as principais jogadoras) têm o melhor basquete do mundo.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes