Embraer revela 4 aviões movidos a energias alternativas, de células de combustível a hidrogênio

A Embraer anunciou nesta segunda-feira (8) um projeto para o desenvolvimento de aeronaves movidas com energias alternativas. De células de combustível a hidrogênio, os 4 conceitos fazem parte da família de aviões chamada de “Energia”.

A empresa disse que o objetivo é ajudar a indústria a atingir a meta de zero emissões de carbono até 2050.

Para a criação dos conceitos consórcio internacional de universidades de engenharia, institutos de pesquisas aeronáutica e pequenas e médias empresas.

Ainda não há detalhes sobre uma produção dos modelos, mas a empresa prevê disponibilidade das tecnologias para a partir de 2030 e afirmou que cada aeronave está sendo analisada de acordo com sua viabilidade técnica e comercial.

Aviões conceitos da Embraer que usam energia de fontes renováveis (Foto: Embraer)

Veja detalhes técnicos dos aviões da Embraer:

Energia Hybrid (E9-HE)

  • Propulsão híbrida-elétrica.
  • Até 90% de redução das emissões de CO2
  • 9 assentos
  • Motores montados na parte traseira
  • Disponibilidade da tecnologia –2030
Energia Hybrid — Foto: Embraer
Energia Hybrid (Foto: Embraer)

Energia Electric (E9-FE)

  • Propulsão elétrica completa.
  • Emissões zero de CO2.
  • 9 assentos.
  • Hélices contra-rotativas traseiras (usando uma segunda hélice que gira no sentido contrário da primeira).
  • Disponibilidade da tecnologia – 2035.
Embraer Energia Electric — Foto: Embraer
Embraer Energia Electric (Foto: Embraer)

Energia H2 Fuel Cell Gas Turbine (E19-H2FC)

  • Propulsão elétrica de hidrogênio.
  • Emissões zero de CO2.
  • 19 assentos.
  • Motores elétricos montados na parte traseira.
  • Disponibilidade da tecnologia – 2035.
Embraer Energia H2 Fuel Cell Gas Turbine  — Foto: Embraer
Embraer Energia H2 Fuel Cell Gas Turbine (Foto: Embraer)

Energia Gas Turbine (E50-H2GT)

  • Propulsão de hidrogênio ou SAF / JetA.
  • Redução de emissões de CO2 em até 100%.
  • 35 a 50 assentos.
  • Motores montados na parte traseira.
  • Disponibilidade da tecnologia – 2040.
Embraer Energia H2 Fuel Cell Gas Turbine  — Foto: Embraer
Embraer Energia H2 Fuel Cell Gas Turbine (Foto: Embraer)

Na corrida pelo ‘carro voador’

A Embraer também anunciou recentemente planos envolvendo os chamados eVTOLs, veículos que muitas vezes são referidos como “carros voadores”. O objetivo é entregar sua versão da aeronave para clientes a partir de 2026, diz a empresa.

Conceito do eVTOL da Embraer — Foto: Divulgação/Embraer
Conceito do eVTOL da Embraer (Foto: Divulgação/Embraer)

Companhias aéreas Gol e Azul também estão nesta corrida e têm acordos para receber a partir de 2025 seus primeiros eVTOLs, que serão produzidos por empresas europeias.

Fonte: G1

Scroll Up