Dólar fecha em alta nesta terça-feira

O dólar fechou em alta ante o real nesta terça-feira (21), mas ainda abaixo de R$ 3,10, após 2 pregões seguidos de queda, sustentado por fluxo comprador atraído pelo nível baixo de preço e pela aversão ao risco que passou a predominar no mercado externo durante a tarde, destaca a agência Reuters.

A moeda dos Estados Unidos avançou 0,60%, a R$ 3,09 na venda, depois de ter fechado na véspera a R$ 3,0717. 

No início desta sessão, a moeda foi negociada em baixa e caiu até à mínima de R$ 3,06. Na máxima do dia foi a R$ 3,0951.

Cenário interno

Internamente, os efeitos da Operação Carne Fraca começaram a ser minimizados, mas os investidores monitoravam eventuais desdobramentos que possam afetar o desempenho da balança comercial brasileira e o fluxo de ingresso de recursos para o Brasil.

A Coreia do Sul voltou atrás na suspensão à carne de frango brasileira após o Brasil afirmar que os embarques para o país não continham produtos alterados.

China, União Europeia e Chile continuam com suspensão temporária às compras de carne brasileira. E, nesta terça-feira, Hong Kong e Suíça anunciaram embargo ao produto nacional.

“O investidor está atento à questão da carne e também da política, de olho se isso poderá atrapalhar a votação de reformas no Congresso”, avaliou Muniz.

O Banco Central brasileiro vendeu integralmente nesta sessão o lote de até 10 mil swaps tradicionais – equivalente à venda futura de dólares – ofertados para rolagem dos contratos de fevereiro. Com isso, reduziu a US$ 7,711 bilhões o total que vence em abril e que ainda resta para rolar.

Fonte: G1

Scroll Up