Deixou para a última hora? Saiba como otimizar o tempo das suas compras de Natal

Trabalho, confraternizações, falta de tempo, preguiça. São inúmeras as formas de deixar alguns afazeres para depois, não é? Se você faz parte do clube que continua a procrastinar as compras natalinas e ainda não resolveu nada, veja como contornar a situação, sem que ninguém fique sem presente.

Para não se deparar com lojas cheias e prateleiras vazias, é preciso antecedência, o que nem sempre é possível. Dependendo do andamento das vendas, entretanto, você pode até ter um ligeiro toque de sorte. “Em alguns casos, podem acontecer algumas promoções relâmpagos, se as vendas até o momento forem inferiores à expectativa. Esse tipo de promoção, no entanto, não acontece sempre e não é garantido.

Talvez, você escolha por fazer compras online, mas, fique sabendo que ter tempo é fundamental para garantir que o presente chegue até o dia de Natal.

ORGANIZE UMA LISTA

Mesmo que você não disponha de muito tempo, na hora de montar a lista, o ideal é reservar alguns minutos para organizar e elencar o que realmente deve ser comprado. “Divida a lista em grupos: família, namorado, amigos próximos, colegas de trabalho, presentes de amigo secreto e etc. O importante é definir quem vai receber os presentes e a média de valor que deve ser gasto com cada um”, sugere Duarte.

Se for preciso, o analista aconselha a pesquisar os valores na internet, para checar se estão de acordo com o orçamente previsto. “Depois, veja se todas as lojas que terá que visitar são próximas ou se estão no mesmo shopping. Assim, você vai  conseguir otimizar ainda mais a saga de compras”.

Caso não tenha dado tempo de comparar as diferenças de valores, faça uma busca na internet sobre os preços médios de cada item. “Os site de comparação e acompanhamento de preços são ótimas opções. Assim, mesmo que a compra não seja realizada pela internet, você terá uma noção do que está caro ou não”.

O QUE É MELHOR: SHOPPINGS OU COMÉRCIO DE RUA?

De acordo com Duarte, este detalhe fica a critério do consumidor. “Acredito que, após uma boa pesquisa, será possível ter uma ideia de onde será possível encontrar os melhores preços e facilidades de pagamento que cabem no bolso. Aí sim, ele pode optar pelo shopping ou loja de rua”.

MELHORES HORÁRIOS PARA IR ÀS COMPRAS

Por conta da tradicional correria de fim de ano, shoppings e grandes centros de compras ajustam seus horários de funcionamento e contam com horários especiais no mês de dezembro. “A dica, então, é para locais em que o consumidor vai encontrar oferta de diversos produtos sem precisar andar muito ou pegar trânsito”.

A internet, claro, é sempre uma boa pedida. “É possível pesquisar diversas lojas, ler críticas sobre os produtos, entre outras coisas em pouco tempo. Só é importante estar atento ao prazo de entrega do produto”.

TENHA FOCO

Com a lista em mãos e sabendo exatamente o que se procura, o tempo gasto para as compras será reduzido. Ir desacompanhada pode ser uma boa opção. “Pense apenas que nessa hora a praticidade será sua maior aliada. Sozinha ou não, só certifique-se que comprou tudo o que precisava”.

Quanto mais presentes forem adquiridos em uma única saída, menos tempo será gasto com deslocamento e você ainda economiza o dinheiro de estacionamentos e combustível. “No caso das compras online, é bom otimizar e aproveitar o mesmo frete. Lembrando que cada loja possui um frete e um prazo de entrega diferentes”.

FIQUE ATENTO

De acordo com Duarte, os estabelecimentos apresentam uma variedade de opções e distrações. “É importante lembrar que do que é preciso fazer e não perder tempo”.

Na internet, certifique-se sobre reputação da loja em sites de reclamação, verifique os selos de segurança.

Fonte: Daquidali

Scroll Up