De casa para a feira: Mãe cria linha de temperos caseiros para filha com restrição alimentar e sabor faz sucesso em Botucatu

As feiras livres representam uma tradição nas cidades do interior que não se perdeu com o tempo. Pelo contrário, cada dia mais feirantes e consumidores optam pelas “feirinhas”, como são conhecidas popularmente, na busca de alimentos e produtos frescos, produzidos em sua maioria de modo artesanal, com o mínimo de agentes químicos.

Na feira livre de Botucatu, uma banquinha em especial tem feito sucesso: são os temperos caseiros da Angélica Chef. Além de muito sabor, qualidade e variedade, a história por trás dos produtos caseiros tem um toque muito especial.

Angélica Montezori é professora por formação e tem dois filhos. Há catorze anos, a filha foi diagnóstica com artrite e ela recebeu orientações médicas para não consumir temperos industrializados, pois isso ajudaria no tratamento dela.

“Então resolvi fazer temperos. Além de ser algo prático no dia-dia pois sempre trabalhei fora, eu dava para minha sogra, mãe, vizinhas, elas adoravam e elogiavam muito. Até então, nunca tinha feito para vender, era um hábito, fazia por gosto.
Em 2020 fiquei desempregada e resolvi produzir os temperos para ajudar nas despesas da casa. Comecei oferecendo para familiares vizinhos e amigo até surgir o convite de trabalhar na feira. “

Fazer temperos mudou a vida de Angélica.

“Eu percebi que além de contribuir para o tratamento da Duda, contribui comigo mesma. Cresci pessoalmente com a venda na feira. Consegui me reinventar após o desemprego durante a Pandemia. Não é tanto pelo valor financeiro, mas pelo valor da auto estima. A vida é cheia de desafios e eu aprendi a enfrentar os desafios da minha vida através dos temperos.”

A linha de produtos cresceu. No inicio era apenas o tempero completo básico, hoje Angélica produz artesanalmente 7 temperos e 4 molhos artesanais.

A grande inspiração de Angélica também ganhou um molho especial.

“A Duda ama gengibre, então tem um tempero especial com o sabor de gengibre.”

Angélica ainda comemora a saúde da filha:

“Graças a uma alimentação natural a Duda, que tem 16 anos, está com a saúde 100%. “

Angélica tem o apoio e incentivo da família na produção dos temperos caseiros

Serviço: Angélica Chef (14) 99818 9193

Scroll Up